LIG

Direto ao Ponto
LIG

LIG (Letra Imobiliária Garantida) é um ativo de renda fixa destinado a financiar o mercado habitacional. 

Tendo lastro em crédito imobiliário, a LIG consegue uma dupla segurança jurídica. Isso porque o destino dos recursos captados dos investidores na LIG não é o patrimônio do banco (como acontece com as Letras de Créditos Imobiliários, as LCIs), mas sim a carteira de crédito para a habitação. Em caso do banco “quebrar”, a LIG não é atingida por uma eventual liquidação da massa falida.

Como é o retorno da LIG?

Os ganhos da LIG podem estar atrelados à indexação cambial, IPCA ou IGP-M. Mas a maioria delas está vinculada ao principal parâmetro de referência para os investimentos de renda fixa, o CDI, a taxa usada para empréstimos entre bancos.

Como é a liquidez da LIG?

A LIG tem carência mínima de 12 meses. Resgate antecipado pelo mercado secundário pode frustrar os investidores por conta da dificuldade de liquidez. Por isso, a LIG tende a apresentar taxas de retorno mais elevadas do que as da LCI.

Glossário  Investimentos Ir para: Verbetes

Conheça os termos mais importantes para enriquecer a sua Inteligência Financeira

Direto ao Ponto
Ifix

O Índice de Fundos de Investimentos Imobiliários (IFIX) foi criado em 2012 pela B3 para mostrar o retorno médio dos fundos imobiliários.…

Leia Mais Ir para:
Direto ao Ponto
NFTs

NFTs (tokens não fungíveis) são certificados de propriedade de um ativo que não pode ser substituído nem compartilhado.…

Leia Mais Ir para:
Direto ao Ponto
Acionista

Acionista é o investidor pessoa física ou jurídica que tem uma ou mais ações – ou até frações - de uma empresa.…

Leia Mais Ir para:
Direto ao Ponto
Alavancagem

Alavancagem é o empréstimo tomado por investidores e empresas que queiram movimentar um valor superior ao que se tem em conta.…

Leia Mais Ir para:
Swiper Próximo
Swiper Anterior

Você também pode gostar 🔽

Valor Econômico Atualizado em 19.ago.2022 às 06h41
Megaleilão do Tesouro pressiona mercado

Emissão de R$ 16,7 bi em LTNs e NTN-Fs, concentrada em títulos mais longos, resultou em taxas mais altas no mercado de juros

André Franco Atualizado em 19.ago.2022 às 06h34
Meme coins: vale a pena investir?

Nos ciclos de alta, é normal que ‘versões B’ de uma criptomoeda sejam criadas

Mário Mesquita Atualizado em 19.ago.2022 às 06h33
Opinião: A economia brasileira em 2022 e 2023

Dados fatores internos e externos, não é baixa a probabilidade de o PIB retroceder no ano que vem

Redação IF Publicado em 18.ago.2022 às 16h51
Juros futuros fecham em alta após megaleilão do Tesouro

Os juros futuros encerraram o pregão desta quinta-feira (18) em alta, na contramão dos rendimentos dos títulos do Tesouro americano

Anne Dias Atualizado em 18.ago.2022 às 17h52
Conheça a história de uma das mulheres mais importantes do mercado financeiro

Na estreia do Perfil IF, Roberta Anchieta fala com ternura como conquistou a diretoria de administração fiduciária do Itaú Unibanco

Itaú Meu Negócio