Confira a agenda de resultados do 4º trimestre de empresas brasileiras

Instituições financeiras abrem a temporada em 31 de janeiro, com Santander Brasil, prazo vai até o final de março

Confira a agenda de resultados do 4º trimestre de 2023 de um grupo seleto de empresas brasileiras listadas na bolsa de valores.

Assim, importante destacar, que os dados foram obtidos nos websites de relações com investidores das próprias companhias e estão sujeitos a atualizações.

Em destaque aparecem as empresas cujos resultados serão acompanhados pela Inteligência Financeira. Confira aqui, também, os principais resultados conforme eles forem sendo publicados.

As datas são sujeitas a alteração pelas próprias companhias.

Confira abaixo um resumo dos principais balanços acompanhados pela Inteligência Financeira.

Santander (SANB11) lucra 19% menos no 4º trimestre

O Santander Brasil (SANB11) teve o lucro no quarto trimestre de 2023 abaixo das expectativas, pressionado por maiores provisões para perdas com calotes. A franquia do grupo espanhol Santander no país anunciou nesta quarta-feira (31) que seu lucro de outubro a dezembro de 2023 somou R$ 2,2 bilhões. Isso significa um aumento de 30,5% ante mesma etapa de um ano antes.

BTG Pactual (BPAC11): Lucro líquido sobe 65,9% no 4º trimestre

O BTG Pactual (BPAC11) registrou lucro líquido de R$ 2,7 bilhões no quarto trimestre de 2023, representando um crescimento de 65,9% frente ao mesmo período de 2022. Frente ao terceiro trimestre, o lucro líquido subiu 3,8%.

O lucro líquido ajustado foi de R$ 2,8 bilhões, alta de 61% ante um ano e de 3,7% em relação ao terceiro trimestre. No ano de 2023, o lucro líquido ajustado foi recorde, somando R$ 10,4 bilhões, um aumento de 25% frente a 2022.

Itaú Unibanco (ITUB4) anuncia dividendo extra de R$ 11 bi

O Itaú Unibanco (ITUB4) anunciou que vai pagar R$ 11 bilhões em dividendos adicionais a seus acionistas. O valor do dividendo extraordinário era amplamente aguardado por investidores e analistas.

O banco esperava uma regulamentação do Banco Central sobre exigência extra de capital para riscos, o que foi divulgado no final de 2023. No período, o Itaú Unibanco teve lucro recorrente de R$ 9,4 bilhões de reais, alta de 22,6% ante mesma etapa do ano anterior.

Lucro líquido recorrente do Bradesco (BBDC4) é de R$ 2,878 bi

O Bradesco encerrou o quarto trimestre do ano passado com lucro líquido recorrente de R$ 2,878 bilhões, de acordo com balanço divulgado nesta quarta-feira (7). O resultado é 80,4% maior que o do mesmo intervalo de 2022, em que o banco fez uma provisão à toda a exposição que tinha à Americanas, que entrou em recuperação judicial em janeiro do ano passado.

Entretanto, o resultado foi 37,7% abaixo do registrado no terceiro trimestre do ano passado.

Em 2023, o Bradesco teve lucro líquido recorrente de R$ 16,297 bilhões, número 21,2% menor que o do ano de 2022. O ano foi marcado por uma pressão da inadimplência de empréstimos concedidos até meados do ano anterior, mais afetados pela alta da inflação e dos juros.

Lucro da Klabin (KLBN11) cai 53%

A Klabin (KLBN11) teve forte queda no lucro do quarto trimestre de 2023, afetada pelo efeito cambial e queda nos preços de seus produtos.

A maior fabricante de embalagens do país informou nesta quarta-feira (7) que seu lucro de outubro a dezembro somou R$ 370 milhões, queda de 53% ante mesma etapa de 2022.

Embora o volume da venda de celulose da Klabin tenha crescido 10%, puxado pela demanda por fibra curta e longa, os preços caíram cerca de 30% na comparação com a média dos preços do quarto trimestre de 2022.

Usiminas (USIM5) reverte prejuízo e anota lucro líquido

A Usiminas (USIM5) registrou lucro líquido de R$ 975 milhões no quarto trimestre de 2023, de acordo com o balanço da companhia divulgado nesta sexta-feira (9).

O valor reverte o prejuízo de R$ 839 milhões apurado no mesmo período de 2022 e também é R$ 1,1 bilhão superior ao prejuízo líquido apresentado no trimestre anterior.

Lucro do Banco do Brasil (BBAS3) supera previsões

O Banco do Brasil (BBAS3) teve lucro acima da previsão de analistas no quarto trimestre, mesmo com maiores provisões para perdas com a Americanas.

O banco controlado pelo governo federal anunciou nesta quinta-feira (8) que seu lucro recorrente, que exclui efeitos extraordinários, somou R$ 9,44 bilhões entre outubro e dezembro.

O número representa um aumento de 4,8% ante mesma etapa de 2022.

Carrefour (CRFB3) tem lucro líquido ajustado de R$ 520 milhões

O Grupo Carrefour Brasil (CRFB3) apresentou lucro líquido ajustado (desconsiderando outras receitas e despesas e o correspondente efeito financeiro e tributário) de R$ 520 milhões no quarto trimestre de 2023, uma queda de 5,4% em relação ao mesmo período de 2022.

Sem o ajuste, a companhia registrou prejuízo líquido consolidado de R$ 565 milhões, frente a um montante positivo de R$ 426 milhões um ano antes.

O Ebitda ajustado foi de R$ 1,875 bilhão, recuo anual de 5%. A margem Ebitda ajustada caiu 0,3 ponto porcentual (p.p.), para 6,7%.

Telefônica (VIVT3) supera previsões no 4º trimestre

A Telefônica Brasil (VIVT3), dona da marca Vivo, teve lucro acima das expectativas no quarto trimestre de 2023 e anunciou que pretende pagar pelo menos 100% dos lucros em remuneração aos acionistas de 2024 a 2026.

A companhia de telecomunicações informou nesta terça-feira (20) que seu lucro líquido de outubro a dezembro somou R$ 1,6 bilhão.

Isso representa um aumento de 42,1% ante mesma etapa de 2022.

Lucro da WEG no 4º trimestre sobe 46% na comparação anual

A WEG (WEGE3) reportou lucro líquido de R$ 1,745 bilhão no quarto trimestre de 2023, o que representa um acréscimo de 46,2% ante o apurado no mesmo período de 2022.

Em relação ao terceiro trimestre do ano passado, a alta é menor, de 33%.

Com isso, no consolidado do ano, a companhia apresentou lucro líquido de R$ 5,732 bilhões, alta de 36,2% ante o ano anterior.

Confira a agenda de resultados do 4º trimestre

EmpresaBalançoTeleconferência
Santander (SANB11)31/01 antes da abertura de mercado31/01
BB Seguridade (BBSE3)05/02 antes da abertura do mercado05/02
BTG Pactual (BPAC11)05/02 antes da abertura do mercado05/02
Cielo (CIEL3)05/02 após fechamento do mercado06/02
Itaú Unibanco (ITUB4)05/02 após fechamento do mercado06/02 (10h)
TIM (TIMS3)6/02 após fechamento do mercado07/02 (10h)
Totvs (TOTS3)07/02 após fechamento do mercado08/02 (11h)
Bradesco (BBDC4)07/02 antes da abertura do mercado07/02 (10h30)
Klabin (KLBN11)07/02 antes da abertura do mercado08/02 (11h)
Alpargatas (ALPA4)07/02 após fechamento do mercado08/02 (9h)
Banco do Brasil (BBAS3)08/02 após fechamento do mercado09/02
Multiplan (MULT3)08/02 após fechamento do mercado09/02
Raízen (RAIZ3)08/02 após fechamento do mercado09/02
São Martinho (SMTO3)08/02 após fechamento do mercado09/02 (15h)
CCR (CCRO3)08/02 após fechamento do mercado09/02
Usiminas (USIM5)09/02 antes da abertura do mercado09/02
Carrefour Brasil (CRFB3)19/02 após fechamento do mercado20/02 (10h)
Iguatemi (IGTA3)20/02 após fechamento do mercado21/02 (10h)
Telefônica Brasil (VIVT3)20/2 após o fechamento do mercado21/02 (11h)
Gerdau (GGBR4)20/02 após fechamento do mercado21/2 (10h)
GPA (PCAR3)21/02 após fechamento do mercado22/02 (10h)
Assaí (ASAI3)21/02 após fechamento do mercado22/02 (11)
WEG (WEGE3)21/02 antes da abertura de mercado22/02 (11h)
Vale (VALE3)22/02 após fechamento do mercado23/02 (11h)
Nubank (ROXO34) 22/02 após fechamento do mercado22/02 (19h)
B3 (B3SA3)22/02 após fechamento do mercado23/03 (10h)
BRF (BRFS3)26/02 após fechamento do mercado27/02, 10h
XP (XPBR31)27/02 após fechamento do mercado27/02 (19h)
Engie (EGIE3)27/02 após fechamento do mercado28/02 (11h)
Suzano (SUZB3)28/02 após fechamento do mercado29/02 (10h)
Ultra (UGPA3)28/02 após fechamento do mercado29/02 (11h)
Ambev (ABEV3)29/02 antes da abertura do mercado29/02 (13h30)
Copel (CPLE6) 29/02 após fechamento do mercado01/03 (10h)
MRV (MRVE3)29/02 após fechamento do mercado01/03 (10h)
Vibra (VBB3)04/03 após fechamento do mercado05/03 (10h)
Raia Drogasil (RADL3)05/03 após fechamento do mercado06/03 (10h)
Petrorecôncavo (RECV3)05/03 após fechamento do mercado06/03
Dexco (DXCO3)06/03 após fechamento do mercado07/03
SLC (SLCE3)06/03 após fechamento do mercado07/03
Taesa (TAEE11)06/03 após fechamento do mercado07/03 (11h)
3R Petróleo (RRRP3)06/03 após fechamento do mercado07/03 (14h)
Braskem (BRKM5)06/03 após fechamento do mercado07/03
CSN (CSNA3)06/03 após fechamento do mercado07/03
CSN Mineração (CMIN3)06/03 após fechamento do mercado07/03
Gol (GOLL4)*07/03 antes da abertura do mercado07/03
Magazine Luiza (MGLU3)07/03 após fechamento do mercado08/03
Fleury (FLRY3)07/03 após fechamento do mercado08/03 (11h)
Petrobras (PETR4)07/03 após fechamento do mercado08/03
Petz (PETZ3)07/03 após fechamento do mercado08/03 (11h)
Localiza (RENT3)11/03 após fechamento do mercado12/03 (12h)
Natura (NTCO3)11/03 após fechamento do mercado12/03 (9h)
Energisa (ENGI11)12/03 após fechamento do mercado13/03 (15h)
Casas Bahia (BHIA3)13/03 após fechamento do mercado14/03
Eletrobras (ELET3)13/03 antes da abertura do mercado14/03 (13h30)
Prio (PRIO3)13/03 após fechamento do mercado14/03
Hypera (HYPE3)13/03 após fechamento do mercado14/03 (11h)
Ez Tec (EZTC3)14/03 após fechamento do mercado15/03 (10h)
Lojas Renner (LREN3)14/03 após fechamento do mercado15/03 (11h)
CVC (CVCB3)14/03 após fechamento do mercado15/03
Cyrela (CYRE3)14/03 após fechamento do mercado15/03 (11h)
Eneva (ENEV3)14/03 após fechamento do mercado15/03
Yduqs (YDUQ3)14/03 após fechamento do mercado15/03
Embraer (EMBR3)18/03 antes da abertura do mercadoData não anunciada
Itaúsa (ITSA4)18/03 após fechamento do mercado19/03
Locaweb (LWSA3)20/03 após fechamento do mercado21/03
Cogna (COGN3)20/03 após fechamento do mercado21/03
Allos (ALSO3)20/03 após fechamento do mercado21/03 (14h)
Equatorial (EQTL3)20/03 após fechamento do mercado21/03
CPFL (CPFL3)21/03 antes da abertura do mercado21/03
Sabesp (SBSP3)21/03 após fechamento do mercado22/03
Cemig (CMIG4)21/03 após fechamento do mercado Data não anunciada
Vamos (VAMO3)25/03 após fechamento do mercado26/03
Grupo Soma (SOMA3)25/03 após fechamento do mercado26/03
Rumo (RAIL3)25/03 após fechamento do mercado26/03
Minerva (BEEF3)25/03 após fechamento do mercado26/03
Rede D’Or (RDOR3)26/03 após fechamento do mercado27/03
JBS (JBSS3)26/03 após fechamento do mercado27/03 (9h)
Cosan (CSAN3)27/03 após fechamento do mercado28/03
Hapvida (HAPV3)27/03 após fechamento do mercado28/03 (11h)
Marfrig (MRFG3)27/03 após fechamento do mercado28/03
IRB Brasil (IRBR3)28/03 após fechamento do mercado01/04
Arezzo (ARZZ3)Ainda sem data definida
*Gol foi excluída do Ibovespa após ter pedido recuperação judicial na semana passada

Inclui informações do Estadão Conteúdo