IF HOJE: boletim Focus volta nesta terça

Após semanas em pausa por conta da greve dos servidores, pesquisa será publicada com dados atualizados

Fachada do Banco Central do Brasil (Foto: Jorge William/Agência O Globo)

Nesta terça-feira (26), o Banco Central divulga o boletim Focus referente aos dias de 1º, 8, 15 e 22 de abril.

Há algumas semanas, a autarquia não publicava a pesquisa com devido à greve dos servidores, que durou 18 dias. A mobilização adiou a publicação de grande parte dos dados, como as notas econômico-financeiras de fevereiro (setor externo, crédito e fiscal), o relatório semanal Focus, os indicadores econômicos selecionados (fluxo cambial) e o índice de atividade econômica do BC (IBC-Br).

Por que importa?

O boletim Focus é uma importante ferramenta que reúne as principais previsões econômicas do mercado financeiro e deve ser consultado por investidores antes que tomem decisões financeiras. Quanto mais altos os juros, mais caro o custo do crédito, mas, ao mesmo tempo, a renda fixa rende mais.

Como afeta seus investimentos?

Com o aumento da previsão para inflação e juros para 2022 e 2023, as ações  brasileiras podem se desvalorizar, enquanto produtos de renda fixa pós-fixados ficam mais atrativos.

Fique por dentro:

Aumento de casos de covid-19 faz chineses temerem lockdown em Pequim

A propagação da covid-19 em Pequim e o anúncio de que milhões de pessoas deverão ser testadas em um dos distritos mais importantes da cidade elevaram os temores de que a capital chinesa possa ser obrigada a adotar um lockdown rígido como o implementado em Xangai.

Embora apenas 70 casos tenham sido detectados até agora na cidade desde a última sexta-feira, o governo local implementou medidas extremas para impedir a propagação do vírus e para tentar evitar um confinamento em Pequim.

Putin reconhece “pressão sem precedentes” das sanções, mas diz que economia russa vai suportar

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, admitiu nesta segunda-feira (25) que o país está enfrentando uma “pressão sem precedentes” devido às sanções impostas pelo Ocidente após a invasão da Ucrânia. No entanto, ele afirmou que a economia russa ainda é capaz de funcionar de maneira estável. “Recentemente, a Rússia tem enfrentado pressões sem precedentes das sanções de países ocidentais”, disse Putin em um discurso transmitido na TV local. “Após o início da operação militar especial para apoiar as repúblicas populares de Donbass, essa pressão se intensificou ainda mais.”

Para acompanhar hoje:

Balanço do Santander – antes da abertura do mercado
Balanço da Neoenergia – após o fechamento do mercado
Balanço da Romi – após o fechamento do mercado

08h30: boletim Focus
09h30: pedidos de bens duráveis nos EUA em março
10h: índice de preços de imóveis nos EUA em fevereiro
10h20: pronunciamento de Mauderer, do banco central alemão
11h00: confiança do consumidor americano em abril
11h: venda de casas novas nos EUA em março
16:00 ARS Vendas no Varejo (Anual) 91,9%
17:30 USD Estoques de Petróleo Bruto Semanal API -4,496M
22h30: lucro industrial chinês em fevereiro

(Com Valor Econômico)


Você também pode gostar
Redação IF Publicado em 16.maio.2022 às 12h23
Sondagem da XP vê inflação no fim de 2022 maior do que projeção do último Focus

Divulgação do relatório do Banco Central está paralisada por causa da greve dos servidores

Manhã Inteligente Publicado em 12.maio.2022 às 12h36
Tesouro Direto em alta, corte nas tarifas de alimentos, Nubank compra criptomoedas

Isabella Carvalho e Caio Camargo falam sobre os assuntos que vão afetar seus investimentos hoje

Anne Dias Atualizado em 11.maio.2022 às 20h04
Juros devem continuar subindo

Ata do Copom é marcada por uma só palavra: "incerteza"

Redação IF Publicado em 11.maio.2022 às 14h36
Manhã Inteligente Publicado em 11.maio.2022 às 11h22
Ata do Copom, medidas do governo para frear a inflação e NFTs no Instagram

No Manhã Inteligente, Isabella Carvalho e Victor Vietti falam sobre os assuntos que podem afetar seus investimentos nesta quarta (11)

Redação IF Publicado em 11.maio.2022 às 10h10
Energia elétrica ajudou a frear IPCA de abril

Movimento foi influenciado pela mudança na bandeira tarifária