O que está acontecendo com as ações da Hapvida (HAPV3)?

Até o fechamento de sexta (17), HAPV3 acumulou perdas de 47,2% no mês

A ação da Hapvida (HAPV3) fechou a sexta-feira (17) em queda de 10,23% na B3. Foi o sétimo pregão com o ativo caindo, em um período repleto de sobe e desce. Em resumo, até o fechamento de sexta, HAPV3 acumulou perdas de 47,2% no mês.

Diante desse cenário, será que vale a pena investir em Hapvida (HAPV3)? Conheça um pouco mais sobre a empresa para tomar uma decisão.

O que é a Hapvida (HAPV3)?

A Hapvida (HAPV3) é uma das maiores operadoras verticalizadas de planos de saúde e odontológico no país. Trata-se de uma holding constituída na forma de sociedade por ações com sede em Fortaleza, no Ceará.

A companhia obteve o registro de empresa de capital aberto em 20 de abril de 2018 e iniciou as negociações de suas ações no segmento especial Novo Mercado.

A história da Hapvida começou em 1979, quando o médico oncologista Candido Pinheiro Koren de Lima inaugurou a Clínica Antônio Prudente. Nos anos seguintes, a empresa expandiu suas atividades com a ampliação do local, que, por conseguinte, se tornou um hospital.

Em 1993, a companhia iniciou as atividades da operadora de saúde suplementar por meio da Hapvida Assistência Medica. O objetivo principal era gerar receita para o Hospital Antônio Prudente.

A partir do ano de 1996, os acionistas tomaram a decisão estratégica de separar os negócios de operadora e hospitais, com foco na maximização de valor de ambos os segmentos.

Expansão de atividades

Entre 2008 e 2010, a empresa passou por um momento importante de expansão de suas atividades, estruturando o serviço de assistência odontológica Mais Odonto. Além disso, adquiriu o Hospital Espinheiro e os grupos MMS, Santa Clara e Santa Helena.

No ano de 2011, a Hapvida Saúde se tornou uma operadora de saúde suplementar com atuação nacional por meio da venda de planos odontológicos, que, em 2013, passou a ser reconhecida pela marca Hapvida + Odonto.

Em 2022, o Grupo Hapvida se fundiu com o Grupo NotreDame Intermédica, formando a Hapvida NotreDame Intermédica. Por conseguinte, tornou-se o maior operador de saúde do Brasil, com mais de 15 milhões de beneficiários de saúde e odontologia.

Como estão as ações da Hapvida (HAPV3)?

A situação da Hapvida vem se deteriorando desde o começo de março, quando a companhia apresentou o balanço do quarto trimestre de 2022, com resultados abaixo do esperado. Sendo assim, com a ação em queda livre no dia 9 de março, o valor de mercado da Hapvida caiu pela metade, aquém dos R$ 15,5 bilhões.

A forte queda do dia 9 se deveu a um comunicado da companhia na noite anterior, de uma possibilidade de aumento de capital, o que, até então, era descartado pelo mercado. O Itaú BBA afirmou em seu relatório que o cenário é mais negativo que o esperado ao sugerir o aumento de capital.

Março foi um período repleto de sobe-desce para a Hapvida, que acumulou perdas de 47,2% no mês até o fechamento de sexta-feira (17).  A ação encerrou a sessão cotada a R$ 2,37.

Como comprar ações da Hapvida (HAPV3)?

Primeiramente, para comprar ações da Hapvida (HAPV3), você deve abrir uma conta em uma corretora de valores. Os passos seguintes são transferir o dinheiro para a conta e, por fim, começar a investir.

Vale a pena investir nas ações HAPV3?

A XP cortou o preço-alvo de Hapvida de R$ 7,90 para R$ 3 após a divulgação do balanço da companhia. De acordo com os analistas, a visão sobre a empresa piorou por conta de um crescimento mais fraco, sinistralidade demorando mais para se normalizar e o risco de emissão de ações para reduzir alavancagem.

“Temos uma visão muito cautelosa devido ao crescimento do mercado perdendo força e a empresa mostrando sinais mais fracos de adições líquidas; à sinistralidade demorando mais para se normalizar após um período muito difícil e se tornando estruturalmente mais alta do que os níveis pré-pandêmicos; e ao risco de a empresa precisar emitir ações para diminuir a sua alavancagem financeira, consequentemente diluindo os atuais acionistas a um preço por ação inferior ao IPO”, informaram os analistas da corretora.

Em relatório divulgado no dia 17 de março, o Safra também manteve a classificação de compra para Hapvida (HAPV3) com preço-alvo a R$ 7 por ação, “mas devemos buscar mais evidências sobre o ritmo razoável esperado de melhoria do MLR”.

“A tendência de deterioração na sinistralidade (MLR) recorrente não parece boa. A Hapvida (HAPV3) reportou ganhos fracos no quarto trimestre de 2022 devido a aumentos de preços decepcionantes e um MLR acima do esperado, que impactou negativamente o EBITDA e o resultado final”, pontuam os analistas do banco.

Pagamento de dividendos

Em 2021, as ações da Hapvida distribuíram dividendos aos seus cotistas. O último provento pago de HAPV3 foi um JCP (juros sobre capital próprio) de R$ 0,0054 por papel no dia 21 de janeiro de 2022.

Leia a seguir

Leia a seguir