Cripto: bitcoin salta aos US$ 43 mil, com estabilização de resgates do ETF da Grayscale

Na semana passada, o Grayscale Bitcoin Trust enfrentou resgates de US$ 2,2 trilhões, segundo estimativa da CoinShares. No entanto, a empresa diz que o movimento está arrefecendo

As principais criptomoedas do planeta aceleraram o processo de recuperação nesta segunda-feira, em meio à contínua estabilização das retiradas do ETF de bitcoin à vista da Grayscale.

Investidores se posicionaram para uma agenda macro movimentada, que contará com decisões de juros de Federal Reserve (Fed) e Banco da Inglaterra (BoE).

Por volta das 17h30 (de Brasília), o bitcoin subia a 2,95%, a US$ 43.052,35, e o ethereum avançava 1,67%, a US$ 2.300,62, de acordo com a Binance.

Na semana passada, o Grayscale Bitcoin Trust enfrentou resgates de US$ 2,2 trilhões, segundo estimativa da CoinShares. No entanto, a empresa diz que o movimento está arrefecendo, com o volume diário em queda progressiva ao longo dos últimos dias.

O cenário abriu caminho para uma melhora generalizada no sentimento geral do mercado, o que impulsiona os preços dos criptoativos. O índice Fear and Greed (medo e ganância) avançou a 55, o que sugere um posicionamento favorável por investidores.

Apesar disso, o analista Alex Kuptsikevich, da corretora FxPro, não está convencido de que a retomada é sustentável. “O gatilho para o declínio pode ser a volatilidade nas ações antes dos lucros corporativos, dos resultados da reunião do Fed e do relatório de emprego payroll”, adverte.

Com informações de Dow Jones Newswires e Estadão Conteúdo