Mercado hoje: Ibovespa sobe ajudado por commodities e bancos; dólar fecha a R$ 5,16

Minério de ferro avançou com a expectativa da reabertura econômica na China

O Ibovespa fechou em alta nesta quarta-feira (18) de 0,72%, aos 112,3 mil pontos, mais uma vez embalado pela alta no preço das commodities, que são parte fundamental do negócio de importantes empresas brasileiras com peso no índice.

O otimismo se dá diante da reabertura sanitária da China, que irá ativar diversos setores do mercado e aquecer a demanda.

As ações da Vale (VALE3) subiram 1,42% hoje, a R$ 93,44. Desde o início de 2023 o papel já se valorizou mais de 5%. Em um mês são 10% e em seis meses, são quase 36% de ganhos acumulados da principal mineradora do país. No setor financeiro, Itaú PN e Bradesco PN tiveram altas de 1,80% e 1,50%, respectivamente.

As Americanas (AMER3) tiveram mais um dia de perdas e a empresa caminha para virar uma ‘penny stock’.

No noticiário local, o presidente Lula falou a sindicalistas e deu a entender que aumentará as despesas, fazendo defesa de um reajuste maior para o salário mínimo e isenção de Imposto de Renda à população que ganha até R$ 5 mil mensais, o que não foi bem recebido pelos investidores.

Dólar avançou

O dólar encerrou a sessão de hoje com avanço de 1,10%, negociado a R$ 5,16 na B3, tendo como fator decisivo os dados da economia dos Estados Unidos, como a inflação mais fraca ao produtor e os números do varejo e indústria, que indicam uma recessão.

Petróleo caiu com temor nos Estados Unidos

Após cinco sessões em alta, assim como na maior parte do dia de hoje, o petróleo Brent – utilizado pela Petrobras para fazer sua política de preços – recuou 1,09% diante dos temores de recessão da economia americana, negociado a US$ 84,98 o barril na ICE, em Londres.

As bolsas americanas tiveram um dia ruim após os dados econômicos e o Livro Bege, que mostrou queda no poder de compra, mercado de trabalho inflado, dificuldade na contratação de mão de obra e expectativa de baixo crescimento na economia do país. O Dow Jones Industrial Average caiu 1,81%, o S&P500 recuou 1,56% e o Nasdaq Composite 1,24%.

Para amanhã, dados de emprego aqui e nos EUA

Para amanhã, o mercado ficará de olho no Brasil, às 9h, quando o IBGE divulgará a taxa de desemprego. Na última medição, até o fim de outubro, o número era de 8,3%, segundo a Pnad Contínua.

Nos EUA, às 10h30, teremos os pedidos de seguro desemprego, relatório de empregos pelo Fed Filadélfia, às 13h os estoques de petróleo e de gás natural, além da produção de óleo e gasolina.

No mercado corporativo, a Netflix, gigante do streaming, divulgará seu balanço do quarto trimestre de 2022 às 18h.