Mercado hoje: Ibovespa emenda 3ª alta seguida após aprovação da PEC da Transição

Investidores seguem monitorando tramitação da proposta no Congresso

O Ibovespa emendou, nesta quarta-feira, sua terceira sessão consecutiva de altas, acumulando ganhos de 4,45% na semana. Investidores acompanharam durante o dia a conclusão da votação de uma versão desidratada da PEC da Transição na Câmara, o que permitiu a manutenção de uma melhora parcial no ambiente de negócios.

Agentes também apontam fatores técnicos e alta das commodities como determinantes para o avanço do índice.

No fim da sessão, o referencial local registrou ganhos de 0,53%, aos 107.433 pontos, tocando os 107.991 pontos na mínima intradiária e os 106.066 pontos na máxima. Com isso, apresenta agora ganhos de 2,49% em 2022.

Em Nova York, o S&P 500 subiu 1,48%, aos 3.878 pontos, Dow Jones fechou em alta de 1,60%, aos 33.376 pontos e Nasdaq oscilou positivamente em 1,54%, aos 10.709 pontos. Leia completo Bolsas de Nova York fecham em alta, impulsionadas por balanços.

Dólar

O dólar voltou a fechar em baixa nesta quarta-feira (21). Assim, após uma manhã de volatilidade, o dólar fechou a sessão desta quarta-feira em queda de 0,06% ante o real, cotado a R$ 5,2030.

No dia anterior, a moeda norte-americana caiu 1,93%, vendida a R$ 5,2061. Com o resultado desta quarta, o dólar passa a acumular uma leve alta de 0,03% no mês. No ano, tem queda de 6,67%.

Commodities

Entre as commodities, o Brent com vencimento em fevereiro recuperava 1,86%, a R$ 81,40, e o minério de ferro negociado na bolsa de Dalian teve alta de 3,56%, a US$ 118,95, enquanto investidores seguem comprando a tese de reabertura da China e, no caso do petróleo, após queda nos estoques americanos.

Redução no prazo da PEC da Transição

Localmente, o noticiário fiscal continua a dominar as atenções dos participantes do mercado. Ontem, a redução no prazo da PEC da Transição de dois anos para apenas um, para que a proposta fosse aprovada na Câmara dos Deputados, deu aval a um forte rali nos mercados domésticos.

Por 331 votos a 168, o texto-base da PEC foi aprovado em primeiro turno na Câmara, que, a partir de 10h, irá retomar a votação dos destaques e do texto-base em segundo turno.

Ainda em relação aos detalhes da PEC, a retirada do mecanismo que permitia despesas fora do teto com financiamento de organismos internacionais pode dar aval a uma continuidade do rali dos ativos locais.

Cabe apontar que o comportamento dos mercados no exterior dá aval a uma valorização dos mercados brasileiros. Sem noticiário relevante, os futuros das bolsas americanas tentam se manter em alta, após terem posto fim, ontem, a uma sequência de quatro sessões negativas.

Estoque de ações alugadas (BTC)

No mercado acionário doméstico, as atenções também se voltam para o posicionamento técnico da bolsa, principalmente após o Ibovespa avançar 3,90% nas duas últimas sessões.

Levantamento do TradeMap concedido ao Valor mostra que, ao fim do pregão de ontem, o estoque de ações alugadas na B3, ou BTC, representava R$ 119 bilhões em dezembro, algo como 3,07% do valor de mercado da bolsa, o maior número da série histórica.

Isso, combinado com as notícias marginalmente positivas dos últimos dias, indica, segundo analistas, uma possível corrida para desmontar posições vendidas em algumas ações locais, principalmente as ligadas à economia local.

Não por acaso, as maiores altas da semana até o começo do pregão desta quarta eram Via ON (+28,80%), Americanas ON (+19,18%) e Magazine Luiza ON (+18,99%).

Outra hipótese mais pessimista, aventada por um gestor em condição de anonimato, é que alguns investidores estrangeiros — o grupo aportou R$ 92,38 bilhões no segmento secundário da bolsa em 2022 até o último dia 19 de dezembro — podem estar demandando parte das suas ações alugadas para vender.

Neste caso, quem está vendido a descoberto tem que recomprar a ação para devolver o aluguel.