B3 avalia exclusão da Americanas (AMER3) do Índice de Sustentabilidade Empresarial

Administradora da bolsa diz que exclusão pode ocorrer ainda em janeiro

A B3 está avaliando a exclusão da Americanas (AMER3) do Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) após a divulgação da descoberta de “inconsistências contábeis” que devem ter impacto de R$ 20 bilhões no balanço.

Segundo o diretor-presidente da B3, Gilson Finkelsztain, a varejista já foi notificada. Um comitê analisará o caso e a exclusão pode ocorrer até o fim de janeiro.

A Americanas, no entanto, deve continuar no Novo Mercado, já que o segmento não tem a prerrogativa de exclusão.

O Novo Mercado se apresenta como um segmento “destinado à negociação de ações de empresas que adotam, voluntariamente, práticas de governança corporativa adicionais às que são exigidas pela legislação brasileira”.

“Não cabe ao Novo Mercado, por exemplo, dar um rating para as empresas”, disse Finkelsztain em almoço com jornalistas.

Na próxima revisão do segmento, afirmou, a possibilidade de exclusão poderá ser discutida.