Petrobras é a empresa mais valiosa da América Latina: mas vale a pena comprar ações dela?

Companhia é avaliada em US$ 70,6 bilhões (ou R$ 401 bilhões); analistas estão otimistas

Petrobras: como fica as ações da Petrobrás, que é de capital misto, em ano eleitoral? Melhor vender esses papeis? Ou compra mais? Baseado em eleições passadas, o que acostuma acontecer? Depois de novembro, o cenário para elas muda completamente?

Pontos-chave

  • A petroleira ocupa a liderança desde de dezembro, quando superou a América Móvil do México
  • O preço do petróleo deve continuar alto enquanto a Opep sobe lentamente a oferta da commodity

A Petrobras (PETR3, PETR4) é a empresa com o maior valor de mercado da América Latina. A companhia fechou o pregão de terça-feira (4) avaliada em US$ 70,6 bilhões (o equivalente a R$ 401 bilhões), segundo a provedora de informações financeiras Economatica.

A petroleira ocupa a liderança desde o dia 27 de dezembro, quando superou a América Móvil do México, que segue na vice-liderança, com valor de mercado de US$ 69,3 bilhões, considerando a cotação de fechamento das ações do dia 4.

A mineradora brasileira Vale aparece na 3ª posição da lista, seguida por Walmart México e Mercado Livre, que tem sede na Argentina. O Nubank, que abriu capital no final do ano passado, aparece no 7º lugar, à frente da Ambev e do Itaú.

Mas vale a pena investir em ações da Petrobras?

No fundo, o que interessa a você, investidor e investidora, é saber se vale a pena ou não comprar os papéis da Petrobras. Lembrando que estamos em ano de eleição presidencial e que a estatal é de economia mista (tem capital aberto, mas seu maior acionista é o governo federal).

Em geral, os analistas que acompanham a Petrobras estão otimistas com a empresa neste ano. Isso porque o preço do petróleo deve continuar alto enquanto a Opep (Organização dos Países Exportadores de Petróleo) sobe lentamente a oferta da commodity. O preço do dólar também ajuda a geração de caixa da empresa.

Da porta para dentro, o que se observa são movimentos que agradam os acionistas. A companhia vem passando por uma reformulação de portfólio, deixando a operação mais enxuta em busca de eficiência. O foco da empresa tem sido o pré-sal, onde há ganho operacional.

Cotação das ações

O preço das ações da companhia também gera otimismo. Os analistas consideram que o papel está barato na comparação com petroleiras de outros países e ao próprio histórico de resultados da empresa na Bolsa. As ações da Petrobras acumularam alta de mais de 30% em 2021, na esteira da elevação dos preços internacionais do petróleo.

Como as eleições podem afetar a Petrobras?

Se as campanhas para outubro de 2022 vão fazer preço em todo o mercado, as estatais devem sentir um impacto ainda maior. Este é o período em que os candidatos à presidência anunciam seus planos para as companhias como a Petrobras, e o mercado pode ou não gostar do que é dito.

Mas o risco de uma queda de preço por causa das eleições pode ser compensado com algo que os investidores adoram: dividendos. A estatal anunciou em novembro uma revisão em sua política de remuneração aos acionistas depois de alcançar sua meta de endividamento. A petroleira estabeleceu uma remuneração anual mínima de US$ 4 bilhões para exercícios que em que o preço médio do petróleo Brent supere US$ 40 por barril. Atualmente, o barril está na casa dos US$ 73.Você pode ficar ainda mais animado com o fato de a Petrobras ter decidido se desfazer de ações preferenciais que detém da Braskem (BRKM5), algo que pode aumentar em 31% o volume de dividendos distribuídos em 2022, segundo analistas do Goldman Sachs.

Veja abaixo a lista das empresas mais valiosas da América Latina:

  • Petrobras: US$ 70,6 bilhões
  • América Móvil: US$ 69,3 bilhões
  • Vale: US$ 66,4 bilhões
  • Walmart do México: US$ 62,6 bilhões
  • Mercado Livre: US$ 61,3 bilhões
  • Marvel Technology Solutions: US$ 59,7 bilhões
  • Nubank: US$ 44,8 bilhões
  • Ambev: US$ 42,4 bilhões
  • Itaú Unibanco: US$ 36 bilhões
  • Grupo México: US$ 33,5 bilhões

Com reportagem do G1


Você também pode gostar
Redação IF Publicado em 20.maio.2022 às 11h01
Bolsas de NY apontam para recuperação na sessão desta sexta

Mercado americano vem de dois pregões seguidos de queda

Manhã Inteligente Publicado em 20.maio.2022 às 10h40
ETFs de renda fixa, privatização da Eletrobras, queda de lucro de empresas

Isabella Carvalho e Caio Camargo falam sobre esses e outros assuntos que podem afetar seus investimentos nesta sexta (20)

Redação IF Atualizado em 20.maio.2022 às 10h38
O que Elon Musk deve discutir na passagem pelo Brasil

Bilionário terá encontro com o presidente Jair Bolsonaro e empresários

Redação IF Publicado em 20.maio.2022 às 08h16
Bolsas asiáticas fecham em alta após China cortar taxa de juros

Mesmo assim, os investidores seguem atentos à perspectiva de aumento dos juros nos EUA

Redação IF Publicado em 20.maio.2022 às 08h09
Fundos de ações de Petrobras e Vale renderam até 25 vezes mais que o FGTS desde o lançamento

Trabalhador poderá usar dinheiro do fundo de garantia para comprar ações da Eletrobras