Ações da Meta caem após notícia de que empresa considera cobrar usuários do Facebook e do Instagram da União Europeia 

Mercado norte-americano fechou em queda na terça-feira 

O mercado norte-americano fechou em queda na terça-feira (3), com as taxas dos Treasuries atingindo seus níveis mais altos desde 2007. Isso aumentou a preocupação de que taxas de juros mais altas possam estagnar o mercado imobiliário e levariam a economia a uma recessão. O destaque do dia ficou para as ações da Meta. Os papéis caíram após a notícia de que a empresa considera cobrar dos usuários do Facebook e do Instagram da União Europeia uma taxa mensal para acessar as plataformas sem anúncios.

O Dow Jones caiu 1,29%, no pior dia desde março, em 33.002,38. O S&P 500 caiu 1,37%, fechando em 4.229,45. Por fim, o Nasdaq caiu 1,87%, para terminar em 13.059,47. 

Assim, com as quedas de terça-feira, o índice Dow Jones entrou em território negativos no ano. O rendimento do Treasury de 10 anos atingiu 4,8%, atingindo seu nível mais alto em 16 anos. O rendimento de referência subiu no mês passado, uma vez que o Fed se comprometeu a manter as taxas de juros num nível mais elevado por mais tempo. 

As ações foram negociadas inversamente aos rendimentos dos Treasuries ao longo do dia, caindo cada vez que as taxas subiam. Além disso, saiu a pesquisa sobre vagas de emprego (JOLTs) de agosto, o mais recente catalisador para o aumento das taxas. O levantamento sinalizou um mercado de trabalho resiliente. A pesquisa apontou 9,6 milhões de vagas abertas no mês, frente previsão de 8,8 milhões.

Veja abaixo os destaques da Avenue no mercado internacionais de ações: 

Eli Lilly (LLY), Point Biopharma (PNT) 

As ações da Eli Lilly caíram 2,4% depois que a farmacêutica anunciou planos de comprar a Point Biopharma, desenvolvedora de uma terapia contra o câncer, por US$ 12,50 por ação, ou cerca de US$ 1,4 bilhão. As ações da Point Biopharma subiram quase 85%. 

McCormick (MKC) 

As ações da fabricante de especiarias caíram 8,5% depois que McCormick relatou lucro de 65 centavos por ação, excluindo itens, no trimestre recente, com receita de US$ 1,68 bilhão. Isso ficou praticamente em linha com o lucro por ação de 65 centavos e US$ 1,7 bilhão em receita esperada pelos analistas. A companhia vale cerca de US$ 18 bilhões. 

Ações da Meta (META) 

As ações do gigante da mídia social caíram mais de 1,9% após a notícia de que a empresa está considerando cobrar dos usuários do Facebook e do Instagram da União Europeia uma taxa mensal de US$ 14 para acessar ambas as plataformas sem anúncios. A companhia vale cerca de US$ 774 bilhões.

Com informações da Avenue