Cripto: ethereum sobe, e bitcoin segue movimento lateral após aprovação de ETFs

Queda recente do bitcoin seguida de uma estagnação na faixa entre US$ 42 e US$ 43 mil se deve ao fato dos ETFs terem sido lançados em momento de alta do bitcoin

O ethereum subia nesta terça-feira (16) perto do fechamento de Nova York, enquanto o bitcoin tinha alta perto da estabilidade, dando sequência à movimentação lateral na faixa dos US$ 43 mil observada desde a aprovação dos ETFs de bitcoin à vista, na semana passada.

De acordo com André Franco, do Mercado Bitcoin, a terça-feira foi “sem novidades” para a criptomoeda mais negociada do mundo. Às 17h40 (de Brasília), o bitcoin avançava 0,41%, a US$ 43.102,80, segundo a Binance. Já o ethereum, por sua vez, subia 2,21%, a US$ 2.584,75.

Segundo o analista da Fineqia International Matteo Greco, a queda recente do bitcoin seguida de uma estagnação na faixa entre US$ 42 e US$ 43 mil se deve ao fato dos ETFs terem sido lançados em momento de alta do bitcoin, o que favorece a realização de lucros e favoreceu a realocação de investimentos para outras altcoins.

“Este padrão é uma ocorrência comum e não significa uma falha no lançamento do ETF”, escreveu o analista em uma nota de pesquisa.

Enquanto isso, investidores ventilaram a notícia de que o ETF de bitcoin da BlackRock é, dentre os aprovados pela SEC (a Comissão de Valores Mobiliários dos EUA), o que mais captou investimentos.

Com informações de Dow Jones Newswires e Estadão Conteúdo