Cripto: bitcoin acompanha alta do setor de tecnologia e sobe na semana

Criptomoedas subiram esta semana acompanhando o Dow Jones e o S&P 500 no mercado de ações, à medida que o sentimento de risco melhorou mundo afora

O bitcoin subiu nesta sexta-feira, 2, acumulando ganhos robustos na semana e acompanhando a alta vista nos índices acionários de Nova York, também reagindo aos dados de emprego dos Estados Unidos mais robustos do que o previsto.

Às 17h30 (de Brasília), o bitcoin subia 0,03%, a US$ 42.817,79, segundo a Binance. Já o ethereum, por sua vez, recuava 0,38%, a US$ 2.294,41. Na semana, o bitcoin subiu 1,93%, e o ethereum teve alta de 1,71%.

As criptomoedas subiram esta semana acompanhando o Dow Jones e o S&P 500 no mercado de ações, à medida que o sentimento de risco melhorou mundo afora. Os investidores estão otimistas após os fortes resultados trimestrais das empresas de tecnologia.

Nesta semana, a criptomoeda mais negociada do mundo também recebeu impulso após a Ark Investment Management, o grupo dirigido pela especialista em tecnologia Cathie Wood, dizer que um portfólio de investimentos ideal teria cerca de 19,4% de seus recursos alocados em bitcoin.

Noelle Acheson escreve em seu boletim Crypto is Macro que o bitcoin tem uma dualidade interessante que pode se manifestar enquanto investidores procuram segurança após as preocupações com o setor bancário regional nos EUA. Ela afirma que, em certas situações, o bitcoin comporta-se como um ativo macroeconômico, porém, em outros dias, atua como um ativo de segurança. No momento, ambos os cenários parecem favorecer o ativo.

Enquanto isso, o analista do Mercado Bitcoin André Franco afirma que hoje a criptomoeda movimentou-se lateralmente, e que a volatilidade do mercado está comprimida, característica que precede “um grande movimento”.

*Com informações de Dow Jones Newswires e Estadão Conteúdo