Temporada de balanços: hoje tem BB, Magazine Luiza, Marisa, Cosan, BRF, Marfrig, Rede D’or, Nubank e XP

A semana com agenda mais fraca de indicadores dá destaque aos balanços e eventos políticos da semana; confira

A semana que inicia traz uma agenda mais fraca de indicadores, deixando o protagonismo no mercado para o final da temporada de balanços e os eventos políticos nacionais e internacionais.

A temporada de resultados do primeiro trimestre se encerra nesta semana, com os últimos números sendo divulgados na segunda-feira (15) e as teleconferências sendo realizadas na maioria na terça-feira (16).

Antes da abertura do mercado, publicam seus números Azul, BB Seguridade e Mater Dei. Após o fechamento do pregão, os principais destaques são Banco do Brasil, BRF, Cosan, Localiza, Magazine Luiza, Marfrig, Marisa e Rede D’or.

Balanços internacionais

Nos EUA, nesta segunda-feira (15), o Nubank e a XP divulgam seus resultados para o primeiro trimestre após o fechamento das bolsas de NY.

A Sea, controladora da Shopee, mostra seu balanço na manhã de terça-feira (16).

Arcos Dorados, Siemens, Tencent e Commerzbank divulgam seus números na manhã de quarta-feira (17). No fim da tarde é a vez de Stone, Cisco e Zenvia.

Na quinta-feira (18), Walmart, Alibaba e EasyJet abrem seus números antes da abertura do mercado.

A CI&T fecha a semana ao divulgar seu balanço na manhã de sexta-feira (19).

Petróleo

O investidor deve seguir de olho no petróleo, a commodity teve sua quarta semana seguida de queda, apoiada pelas dúvidas do mercado sobre a demanda global no curto prazo.

A apreciação do dólar também pressiona as commodities, uma vez que os preços aumentam a investidores que negociam com outras moedas, reduzindo a demanda.

“Além de enfrentar as perspectivas de uma recessão, os preços do petróleo foram recebidos com uma enxurrada de sinais pessimistas esta semana: crescentes estoques de petróleo bruto dos EUA, pedidos de seguro-desemprego nos EUA acima do esperado, recuperação ainda desigual da China, bem como com a retomada iminente das exportações de petróleo do Iraque”, avalia Han Tan, analista-chefe de mercado do Exinity Group.

“Esses pontos negativos compensaram o aumento dos cortes de oferta da Organização dos Países Exportadores de Petróleo e aliados (Opep+), juntamente com as perspectivas de os EUA reabastecerem em breve suas reservas estratégicas”, concluiu o analista.

Segunda, 15

Brasil: Boletim Focus

Suíça tem inflação ao produtor de abril

União Europeia divulga Produção Industrial no bloco em março e o acumulado do ano

Na China, Produção Industrial de abril e acumulada de 12 meses, indicador de Vendas no Varejo também em abril e anual, e a taxa de desemprego no país.

Balanços

Banco do Brasil, BRF e Cosan

Terça, 16

Zona do Euro reporta seu Produto Interno Bruto (PIB) do primeiro trimestre, com projeção de avanço de 1,3%.

O bloco também reporta seus dados de desemprego, balança comercial e o índice ZEW de percepção econômica.

Reino Unido divulga sua taxa de desemprego e as recentes variações no mercado de trabalho

Itália revela a inflação ao consumidor de abril e anual, com projeção de deflação de 0,3% em abril e inflação de 7,7% no ano, uma desaceleração diante dos atuais 8,3%.

África do Sul reporta taxa de desemprego do primeiro trimestre. A taxa atual é de 32,70%.

No Brasil, dados do crescimento do setor de serviços de março.

Nos Estados Unidos, dados de Vendas no Varejo de abril e seus núcleos, além dos níveis de produção industrial.

Canadá tem IPC de abril e seus núcleos.

Por fim, o Japão divulga seu PIB do primeiro trimestre.

Quarta, 17

Japão tem dados de Produção Industrial e de Utilização de sua Capacidade Instalada referentes ao mês de março.

Taxa de desemprego na França. A atual está em 7,2%.

Número de licenciamento de veículos em abril na Itália, Reino Unido, Espanha, Alemanha e França.

Zona do Euro reporta o IPCA de abril e seus núcleos. As projeções são de 7% de inflação em 12 meses e 0,7% em abril. O núcleo anual deve ser de 5,6%.

Portugal reporta seu PIB.

No Brasil, o IBGE divulga os dados de Vendas no Varejo de março e anual.

Nos EUA, o dado mais relevante é o de produção e estoques de petróleo e de seus derivados.

Quinta-feira, 18

Feriado

Suíça – Dia da Ascensão.

Indonésia – Dia da Ascensão.

O Dia da Ascenção, conhecido também como Quinta-Feira da Ascensão, comemora a Ascensão de Jesus ao céu. É uma das festas ecumênicas comemoradas por todas as igrejas cristãs. Na Igreja Católica é conhecida também como Solenidade da Ascensão do Senhor. A Ascensão é tradicionalmente celebrada numa quinta-feira, a décima-quarta da Páscoa, embora algumas províncias tenham mudado a observância para o domingo seguinte.

Agenda

Espanha divulga sua balança comercial.

Hong Kong divulga sua taxa de desemprego, atualmente em 3,1%.

Os Estados Unidos reportam os dados dos pedidos de seguro-desemprego da semana anterior e do período de 4 semanas. A maior economia do mundo também reportará o número de vendas de casas usadas.

México tem decisão de taxa de juros. A taxa atual é 11,25% ao ano.

Sexta, 19

No Brasil, o Banco Central divulga o IBC-Br, conhecido como prévia do PIB.

México tem dados de Vendas no Varejo de março.

Alemanha tem inflação ao produtor em abril.

O Canadá reporta os dados de vendas no varejo de março.

Mercado na sexta

O Ibovespa fechou a sexta-feira em alta de 0,19%, aos 108.464 pontos, enquanto o dólar encerrou o pregão desta sexta-feira (12) em queda de 0,25%, a R$ 4,9234, no pregão marcado pela repercussão do IPCA, divulgado pela manhã, além dos balanços divulgados na noite de ontem, como o da Petrobras.

Na semana, o Ibov avançou 3,11% enquanto o dólar recuou 0,40% no período.

O petróleo Brent – referência de preço para Petrobras – opera em queda de 1,07%, aos US$ 74,18 por barril. Esta commodity acumulou perdas de 1,50% na semana.