Economista Louise Barsi é rejeitada para o conselho de administração do IRB (IRBR3)

Aposta pessoal do pai, o megainvestidor Luiz Barsi, ela foi rejeitada por ampla maioria dos votos

A economista Louise Barsi, fundadora da empresa Ações Garantem o Futuro (AGF), foi rejeitada na última terça-feira (17) ao posto de membro do conselho de administração do IRB Brasil (IRBR3).

Ela integra atualmente o conselho de administração da Eternit (ETER3) e faz parte do conselho fiscal da Klabin (KLBN4).

Filha de Luiz Barsi, um dos mais relevantes minoritários da companhia resseguradora, ela era uma aposta pessoal do megainvestidor. Afinal, ele tenta emplacá-la como sua representante no conselho da companhia já há algum tempo.

O pleito da IRBR3 ocorreu nesta terça-feira por meio de assembleia geral extraordinária de acionistas (AGE) convocada no final de setembro. O objetivo era deliberar sobre a criação de um novo assento no conselho de administração e a escolha desse novo conselheiro.

A AGE também chancelou Mauricio Lessa para o cargo de presidente do conselho.

Concorreu com Louise Barsi o administrador Antônio Cássio dos Santos, que já ocupou no passado as funções de presidente e chairman do IRB. Santos recebeu 28,4 milhões de votos favoráveis, lembrando que cada ação dá direito a um voto.

O nome de Louise, por sua vez, foi rejeitado, por 22,6 milhões de votos. Além disso, houve 6,2 milhões de votos favoráveis e 6,5 milhões de abstenções.

Quem é Louise Barsi

Economista e contadora, Louise Barsi tem 28 anos. Ela tem se tornado popular como o pai, que se auto intitula o maior investidor pessoa física da bolsa brasileira, a B3.

Em seu website, o IRB não informa qual participação acionária que Luiz Barsi detém na companhia.

A empresa revela apenas a posição dos acionistas com mais de 5% do capital, a saber Bradesco Seguros (15,9%), Itaú Seguros (11,6%) e a BlackRock (5%).

A ação do IRB vem sendo negociada na casa dos R$ 40. No mês, o papel opera em baixa de quase 2%. No entanto, em 2023, acumula alta de 55%.

Leia a seguir

Leia a seguir