Órgão regulador pede que Justiça congele ativos da Binance nos Estados Unidos

De acordo com a SEC, o pedido é necessário para impedir a dissipação ou transferência de ativos

A Securities and Exchange Commission (SEC, a Comissão de Valores Mobiliários norte-americana) entrou com pedido na tarde desta terça-feira (6) para que a Justiça dos Estados Unidos congele os ativos da Binance e a obrigue a repatriar os ativos detidos de seus clientes em até dez dias após a aprovação do pedido.

De acordo com a SEC, o pedido é necessário para “preservar o status quo, impedir a dissipação ou transferência desses ativos e proteger a capacidade do Tribunal de conceder tutela na forma de restituição, juros pré-julgamento e penalidades civis”.

O pedido também assegura que nenhum dado será destruído pelos réus e que a Binance terá cinco dias para apresentar seus relatórios contábeis ao tribunal.

A petição acontece em meio ao crescente cerco de reguladores norte-americanos a corretoras de criptomoedas. Na terça-feira, a SEC entrou com ação contra a Binance e o CEO da empresa, Changpeng Zhao, por supostas violações de regras mobiliárias. Um dia depois, a agência processou também a Coinbase.