Inflação anual nos EUA desacelera a 3% em junho, levemente abaixo do esperado

CPI avançou 0,2% em junho ante maio; expectativa era de alta de 0,3%

O índice de preços ao consumidor (CPI, na sigla em inglês) nos Estados Unidos subiu 0,2% em junho depois de oscilar 0,1% em maio. Já a taxa acumulada em 12 meses desacelerou de 4% para 3%.

Os dados com ajustes sazonais foram publicados nesta quarta-feira (12) pelo Departamento do Trabalho norte-americano.

As duas taxas vieram levemente abaixo das expectativas dos agentes financeiros. O mercado projetava um CPI mensal de 0,3% e um acumulado em um ano de 3,1%.

O núcleo do CPI, que exclui preços voláteis, como de energia e de alimentos, subiu 0,2% em junho e 4,8% no acumulado em 12 meses. O consenso era de ganhos de 0,3% e 5%, respectivamente.

O arrefecimento da inflação nos EUA deve alimentar expectativas de que o Federal Reserve (o banco central norte-americano) não volte a acelerar o aperto monetário.

Apesar de a taxa de juros ter sido mantida na reunião passada, no intervalo de 5% a 5,25%, dirigentes do Fed disseram recentemente que a tendência era de dois novos aumentos em 2023.