Melhores e piores: Méliuz (CASH3), Natura (NTCO3) e Eletrobras (ELET6) se destacam; Petroreconcavo (RECV3) perde 20%

Veja as ações que mais subiram ou mais desceram na B3 nesta quarta (15)

As ações da empresa de tecnologia voltada para programas de pontos Méliuz terminaram o pregão desta quarta-feira (15) com a maior alta: quase 15% em relação ao fechamento anterior. Nos últimos 12 meses, porém, a empresa acumula queda de 47%.

Logo em seguida, no topo do ranking, está a MRV. A construtora avançou mais de 7% na sessão, mas tem desvalorização de quase 25% ao longo dos últimos 12 meses.

Natura se recupera

A Natura também se destacou depois de sofrer uma considerável perda no valor de suas ações na terça-feira (14), após os investidores reagirem mal ao balanço publicado pela empresa.

Também no campo positivo, a Eletromídia recuperou parte das perdas que tinha acumulado nos últimos dias, quando, aparentemente, alguns investidores optaram por desfazer suas posições depois da alta considerável que a empresa teve com o anúncio de aquisições de suas ações pelo Grupo Globo.

Resultado da Eletrobras agrada

Por fim, entre as melhores, a Eletrobras aparece na lista de destaques depois de algum tempo. A empresa apresentou balanço que agradou os operadores do mercado.

A empresa anunciou prejuízo líquido de R$ 479 milhões no quarto trimestre, ante lucro líquido de R$ 610 milhões em igual período de 2021. Ainda assim, os investidores avaliaram que o resultado poderia ter sido pior.

Perdas

Na ponta de baixo, A petrolífera Petroreconcavo lidera as perdas, com queda de mais de 19% no dia. Apesar do mau resultado na sessão, a empresa acumula ganhos nos últimos 12 meses: valorização de mais de 13% no período.

Veja as melhores* ações do dia

  • Méliuz (CASH3) +14,44%
  • MRV (MRVE3) +7,19%
  • Natura (NTCO3) +6,62%
  • Eletromídia (ELMD3) +6,17%
  • Eletrobras (ELET6) +6,00%

Piores*

  • Petroreconcavo (RECV3) -19,26%
  • Infracommerce (IFCM3) -10,63%
  • Sequoia (SEQL3) -10,25%
  • CBA (CBAV3) -9,37%
  • CVC (CVCB3) -6,11%

*A lista contempla empresas que negociam ações na B3 , dentro ou fora do Ibovespa e outros índices, e que no dia tiveram volume de negociação na casa dos milhões de reais, ou acima disso.

Leia a seguir

Leia a seguir