IPCA-15 fica em 1,73%, maior taxa para abril desde 1995

Índice também é o maior mensal desde fevereiro de 2003

Inflação segue preocupando brasileiros (Foto: Pixabay)

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo-15 (IPCA-15) registrou uma alta de preços de 1,73% em abril, depois de aumento de 0,95% um mês antes. Essa foi a maior variação mensal do indicador desde fevereiro de 2003 (2,19%) e a maior variação para um mês de abril desde 1995, quando o índice foi de 1,95%, segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) informou nesta quarta-feira (27).

Em abril de 2021, a taxa havia ficado em 0,60%.

No ano, o IPCA-15 acumula alta de 4,31% e, em 12 meses, de 12,03%, acima dos10,79% registrados nos 12 meses anteriores.

Com conteúdo VALOR PRO, o serviço de informação em tempo real do Valor Econômico


Você também pode gostar
Redação IF Publicado em 17.maio.2022 às 07h26
Freio na economia chinesa deve fazer Brasil crescer menos

Analistas projetam expansão menor em 2023 e inflação global maior, também devido à guerra na Ucrânia e à alta de juros nos EUA

Valor Econômico Atualizado em 16.maio.2022 às 20h10
Magazine Luiza reverte lucro e tem prejuízo de R$ 161,3 milhões no primeiro trimestre

Rede afirma que o resultado reflete o aumento de despesas financeiras no período

Redação IF Publicado em 16.maio.2022 às 12h23
Sondagem da XP vê inflação no fim de 2022 maior do que projeção do último Focus

Divulgação do relatório do Banco Central está paralisada por causa da greve dos servidores

Manhã Inteligente Publicado em 16.maio.2022 às 10h50
Greve no Banco Central, dados econômicos de Brasil e EUA, novo índice agro na B3

Isabela Carvalho e Victor Vietti comentam esses e outros assuntos que podem afetar seus investimentos