Vem aí o Microsoft Copilot, que turbina Windows e Bing com inteligência artificial

Inovações, que permitirão uma assistência personalizada com base no histórico do usuário, começam a entrar em vigor em 26 de setembro

A Microsoft (MSFT34) anunciou nesta quinta-feira (21) que incluirá recursos de inteligência artificial em seu buscador de internet e nos softwares do pacote Windows.

Batizada de Microsoft Copilot, a funcionalidade vai usar inteligência da Web e os dados de trabalho do próprio usuário para fornecer uma assistência personalizada, afirmou a companhia em seu blog.

O Copilot começará a ser implementado como parte da atualização gratuita para o Windows 11 a partir de 26 de setembro.

As mudanças abrangerão Outlook, Word, Excel, Loop, OneNote e OneDrive.

No buscador Bing, no navegador Edge e no Microsoft 365, o Copilot deve entrar em vigor nos meses seguintes.

Já o Microsoft 365 Copilot estará disponível para clientes empresariais a partir de 1 de novembro.

Com as mudanças, o Bing, por exemplo, fornecerá respostas mais personalizadas com base no seu histórico de pesquisa, afirmou a Microsoft.

A maioria das novas funcionalidades serão alimentadas pelo Dall.E 3 da OpenAI, braço de inteligência artificial da Microsoft responsável pelo ChatGPT.