Bluefit tem aval do Cade para vender 51% das ações ao fundo Mubadala

Rede de academia está presente em todas as regiões do país; operação é avaliada em R$ 464 milhões

A Superintendência-Geral do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou nesta segunda-feira (25), sem restrições, a compra de 51% da Bluefit pela MC Brazil. A MC Brazil é uma sociedade pertencente ao fundo soberano do governo de Abu Dhabi, informou a empresa, em comunicado à imprensa. O negócio foi anunciado no início do mês. A operação é avaliada em R$ 464,1 milhões.

Em seu parecer, a Superintendência-Geral do Cade observou que nenhuma das empresas integrantes do Grupo Mubadala possui o controle ou participação societária igual ou superior a 20% em qualquer empresa que atue no mercado de academias, como a Bluefit, ou que opere em mercados verticalmente relacionados. Por isso, concluiu pela aprovação da operação, uma vez que o ato de concentração configura apenas em uma substituição de agente econômico, eliminando preocupações concorrenciais.

Se o Tribunal do Cade não avocar o ato de concentração para análise ou não houver interposição de recurso de terceiros interessados, no prazo de 15 dias, as decisões da Superintendência-Geral terão caráter terminativo. Com isso, as operações estarão aprovadas em definitivo pelo órgão antitruste, informou a Bluefit.

A Bluefit, rede de academia presente em todas as regiões do país, é uma sociedade de capital aberto que tem entre seus acionistas diversos fundos de investimentos. Já a MC Brazil é uma sociedade que integra o portfólio de sociedades, fundos de investimento e negócios indiretamente detidos, controlados ou geridos pela Mubadala Capital, fundo soberano do governo de Abu Dhabi.

Com informações do Estadão Conteúdo