Entenda a Bolsa de Valores

Como funciona a Bolsa de Valores e qual é a origem desse ambiente de negociação? Veja o vídeo e entenda

O que faz a Bolsa de Valores? Trata-se de um ambiente, um lugar, um espaço de negociações financeiras.

Que tipo de negociações financeiras? Basicamente a compra e venda de ações, títulos de dívidas, dólar, juros futuros, commodities e outros tipos de investimentos. Existem várias bolsas espalhadas pelo mundo. NASDAQ, a Bolsa de Valores do Brasil, e Australian Securities Exchange são algumas delas.

Como uma empresa entra na bolsa? O ponto de partida é o IPO, que significa Initial Public Offering. Traduzindo para o português, é quando uma empresa faz uma oferta pública inicial das suas ações. A partir desse momento, qualquer investidor pode comprar ações dessa empresa e entrar no jogo. Falando em jogo, nos Estados Unidos e em Londres, clubes de futebol e franquias ligadas ao esporte fizeram seus IPOs na bolsa!

A história das bolsas começou na pacata e paradisíaca Bruges, na Bélgica. No século XII, essa cidadezinha não era nada pacata graças a uma família de nobres que promoviam verdadeiros festivais reunindo mercadores e comerciantes em sua propriedade. No brasão dessa família era possível ver o símbolo de três bolsas e assim o local ficou conhecido como a casa das bolsas.

Você sabia que até o final dos anos 2000 a Bolsa de Valores funcionava por pregão viva voz? E que a Bola de Nova York, a maior do mundo, vale US$ 22 trilhões? Aliás, apesar de ser nome e cenário de diversos filmes relacionados à bolsa, Wall Street não é uma bolsa! Como o nome diz, Wall Street é uma rua de Manhattan em Nova Iorque. O coração financeiro da cidade, talvez do mundo.

Quer saber mais sobre a Bolsa de Valores e seu funcionamento? Assista ao vídeo!

Leia a seguir

Leia a seguir