XP lança cartão de débito internacional, com saldo dolarizado e transações 24 horas

Corretora já oferece conta de investimentos global com cerca de 10 mil ativos disponíveis para negociação

A XP anunciou nesta terça-feira (29) o lançamento da conta global XP, que chega acompanhada de um cartão de débito com a bandeira Mastercard. O saldo da conta é dolarizado, mas o cartão pode ser usado em mais de 210 países para transações de débito, envio de remessas de câmbio 24 horas e saques.

O produto tem como objetivo complementar a oferta do portfólio internacional da XP, que já oferece uma conta de investimentos internacional com cerca de 10 mil ativos disponíveis para negociação.

“O processo de internacionalização dos clientes brasileiros está acontecendo de forma evidente e era um gap que a gente tinha, que vamos fechar a partir de hoje”, afirmou José Berenguer, presidente executivo (CEO) do Banco XP, em coletiva a jornalistas.

“É uma etapa importante na construção desse ecossistema de produtos bancários que a gente vem construindo nos últimos anos.”

Segundo a XP, o cartão global será disponibilizado gradualmente, primeiro para a base de aproximadamente um milhão de clientes que já possui aplicações na conta de investimentos internacional.

Emitido pelo Community Federal Savings Bank (CFSB), o cartão não terá mensalidade ou taxa de manutenção, e oferecerá integração junto às principais carteiras digitais (wallets).

Há também a opção de formato físico, com emissão gratuita para quem já possuir investimentos no exterior na plataforma internacional da XP.

A liberação do cartão de débito deve ser feita diretamente no aplicativo da XP, assim como a ativação da conta global.

No envio da remessa de câmbio para a conta global XP, incide Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) de 1,1%, menor do que a taxa de 5,38% do cartão de crédito, e pode ser feito a qualquer dia e hora.

Além disso, o saldo aportado na conta internacional tem cobertura de até U$S 250 mil pelo FDIC (Federal Deposit Insurance Corporation), agência federal dos Estados Unidos que garante os depósitos bancários.

Para Marta Pinheiro, diretora de Banking Services da XP Inc, “o timing para o cartão de débito internacional não poderia ser melhor”, dada a “robusta” retomada do turismo.

Dados da Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços (Abecs) mostram que o uso de cartões no exterior aumentou 36% no primeiro semestre de 2023.

“Há uma necessidade latente do cliente de usar o dinheiro lá fora”, afirma a executiva.

O presidente da Mastercard no Brasil, Marcelo Tangioni, também avalia que o segmento de contas internacionais vem crescendo, dado o “uso de cartões muito alto que brasileiros têm feito no exterior”.

Segundo Tangioni, o novo cartão lançado em parceria com a XP está na categoria mais alta da Mastercard para cartões de débito internacionais, o que oferece “diversos benefícios” – que serão anunciados pela XP adiante.

Com informações do Estadão Conteúdo