PIB da China avança 5,2% no acumulado de 2023 – e frustra mercado

O resultado, porém, ficou abaixo do consenso do The Wall Street Journal (+5,6%) e da Reuters (+5,3%)

O Produto Interno Bruto (PIB) da China cresceu 5,2% no ano passado, informou nesta quarta-feira (17) o Escritório Nacional de Estatísticas do país (NBS, na sigla em inglês). No quarto trimestre, a variação também foi de 5,2%, na comparação com igual período do ano passado.

O resultado trimestral coincidiu com as estimativas de analistas ouvidos pela FactSet, que esperavam crescimento de 5,2%, e representa uma aceleração em relação ao terceiro trimestre de 2023, quando o PIB avançou 4,9%, na mesma base de comparação. O resultado, porém, ficou abaixo do consenso do The Wall Street Journal (+5,6%) e da Reuters (+5,3%).

Na comparação com o trimestre anterior, a alta foi de 1%.

O desempenho do PIB chinês em 2023 havia sido antecipado pelo primeiro-ministro chinês, Li Qiang, em discurso no Fórum Econômico Mundial, em Davos, na Suíça, na terça-feira, dia 16. O premiê destacou que o resultado superou a meta oficial de avanço do PIB para 2023, de cerca de 5%.

Com informações da Dow Jones Newswires e do Estadão Conteúdo