Mercado hoje: Ibovespa fecha em alta e rompe barreira de 109 mil pontos; dólar recua para R$ 4,88

A valorização do minério de ferro e a política de preços da Petrobras também ficam no foco

Após uma manhã instável, o Ibovespa se firmou no campo positivo e fechou o pregão em alta de 0,55%, aos 109.061 pontos. O dólar encerrou a sessão em queda de 0,73%, cotado a R$ 4,8876, menor cotação em quase um ano, desde junho de 2022.

Embalado por sete sessões consecutivas de alta, o principal índice da bolsa refletiu nesta segunda-feira (15) as discussões do arcabouço fiscal em Brasília e a divulgação da última leva de balanços corporativos do primeiro trimestre de 2023.

O salto do minério de ferro na China e a sinalização de que a Petrobras pode anunciar nesta semana as mudanças em sua política de preços também estiveram no centro das atenções dos investidores.

Na Europa, após oscilação ao longo do pregão, os principais índices acionários do continente fecharam em alta com os investidores acompanhando com leve otimismo as discussões em torno do impasse do teto da dívida pública dos Estados Unidos.

Balanços

Entre os principais resultados informados antes da abertura do mercado, a Raízen reportou um lucro líquido de R$ 2,66 bilhões no quarto trimestre fiscal, ante R$ 315,8 milhões um ano antes.

A companhia somou receitas de R$ 54,9 bilhões entre janeiro e março, crescimento de 2,8% sobre o mesmo período de 2022.

Além disso, a Vibra Energia (VBBR3) fechou o primeiro trimestre com lucro líquido de R$ 81 milhões, recuo de 75% na comparação com os R$ 325 milhões de igual período do ano passado.

Commodities

A Vale (VALE3) e demais ações de commodities metálicas podem ser favorecidas após o minério de ferro negociado na bolsa de Dalian ter alta de 4,17%, a 725,00 (cerca de US$ 104.2) iuanes por tonelada. Investidores reagiram a uma melhora na demanda por aço na China e esperam agora mais estímulos econômicos por parte do governo após dados decepcionantes na semana passada.

Em Londres, o petróleo Brent – referência para a Petrobras – avança 1,24% nesta segunda, negociando a US$ 75,09 o barril.

Arcabouço

Em Brasília, o relator do novo arcabouço fiscal, deputado Cláudio Cajado (PP-BA) apresentará suas ideias sobre a matéria aos líderes partidários à tarde. Investidores esperam que o Congresso possa acrescentar algum tipo de “enforcement” ao texto apresentado pelo governo.

Nessa linha, em entrevista na manhã desta segunda-feira, o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), afirmou que o texto apresentado pelo governo deve passar por ajustes e prever consequências em caso de não cumprimento das metas. “O projeto não pode ser frouxo demais para não se perder os avanços dos últimos anos”, disse.

O parlamentar também voltou a dizer que o Congresso não pretende revisitar matérias que foram aprovadas há pouco tempo, como o Marco do Saneamento e a independência do Banco Central.

“Pautas ideológicas não farão bem ao país neste momento”, afirmou, acrescentando que o governo precisa descentralizar parte da articulação política a outros partidos.