Citi: ações da Vibra (VBBR3) podem valorizar até 84,8% depois de anúncio sobre dividendos

BTG também faz boa avaliação das ações da empresa de energia, embora mais comedidas

O BTG e o Citi apontaram, nesta segunda (19) recomendação de compra para Vibra Energia depois que a empresa divulgou que vai desembolsar R$ 700 milhões de dividendos neste ano. O anúncio foi feito na última semana.

O Citi avaliou o preço-alvo em R$ 33, potencial de alta de 84,8% sobre o fechamento da última sexta-feira (16). O BTG Pactual diz que as ações da Vibra Energia podem chegar a R$ 28.

Às 14h45 desta segunda, as ações estavam em R$ 18,25.

Segundo o BTG Pactual, a distribuição de 40% do lucro líquido no ano em proventos vai resultar em um rendimento de 5% sobre as ações, as tornando um pouco mais atrativas.

Os analistas do BTG Pedro Soares, Thiago Duarte e Bruno Lima escrevem que a empresa agora tem uma combinação rara de valor e crescimento razoável. No entanto, para impulsionar ainda mais os papéis, a empresa tem que definir rapidamente quem será o seu novo diretor-presidente.

“Acreditamos que o fraco desempenho das ações nos últimos 12 meses reflete a falta de vontade dos investidores em pagar antecipadamente pelos planos de crescimento da empresa em projetos que vão além de seu negócio principal de distribuição de combustível”, comentam.

Com a nova política de dividendos, a percepção de risco em torno do papel deve ser reduzida, ao mesmo tempo que se aumenta a visibilidade do uso de caixa que adiciona retorno total aos acionistas e não em investimentos ou desembolsos de capital em projetos.

Diretoria com prestígio

A nova política de dividendos pela Vibra Energia é positiva e retira riscos envolvendo a alocação de capital da companhia no futuro, diz o Citi.

Os analistas Gabriel Barra, Joaquim Alves Atie e Andrés Cardona escrevem que a escolha de André Natal como diretor-presidente interino também é positiva, uma vez que a companhia tem uma diretoria com nomes competentes e que vão avançar na estratégia estabelecida por Wilson Ferreira Jr.

“Entretanto, acreditamos que esse processo [de troca de diretor-presidente] está levando mais tempo que o esperado, trazendo incertezas para a tese de investimentos”, pontua o banco, que também elogiou o anúncio de pagamento de R$ 797 milhões em juros sobre capital próprio.