Melhores e piores da bolsa: Americanas emplaca sexta alta seguida, e CVC fica com a pior queda

Confira as melhores altas e piores quedas da bolsa nesta segunda-feira, 30 de janeiro

A Americanas (AMER3) voltou a figurar entre as ações que mais se valorizaram na bolsa entre as empresas que movimentam volume na casa dos milhões ou acima disso. Nesta segunda-feira, os papéis da empresa atingiram R$ 1,45, com alta de mais de 20%, emplacando mais uma alta depois de terem subido no fechamento de todos os pregões da semana anterior.

A empresa experimenta uma nova fase na bolsa depois de terem ficado alguns dias abaixo da marca de R$ 1, com quedas que chegaram a 77% no valor das ações da empresa.

Em alerta, a empresa comunicou os investidores, na semana passada, que as oscilações dos papéis nada têm a ver com movimentos da empresa depois do anúncio da recuperação judicial. Em nota, a Americanas disse que os papéis estão sob efeito de “especulações”.

As ações da varejista só ficaram abaixo dos papéis da Azevedo & Travassos SA (AZEV3), que subiram mais de 23% na sessão. A holding do setor de infraestrutura fechou, há um mês, contrato de R$ 139 milhões com a Comgás para construção de aproximadamente 84 quilômetros de gasodutos no estado de São Paulo.

A construtora também retomou grandes obras no estado com contratos com Sabesp e Aena, empresas com as quais fechou contratos nos valores de R$ 133 milhões e R$ 350 milhões, respectivamente.

 No campo negativo, destaque para a CVC (CVCB3), que caiu quase 15% e liderou as quedas na bolsa entre empresas com volume na casa dos milhões ou acima disso. O resultado veio depois que foi anunciado o fraco das negociações para que a empresa comprasse a Oner.

As cinco melhores ações do dia

  • Azevedo e Travassos (AZEV3) +23,12%
  • Americanas (AMER3) +20,83%
  • Azevedo e Travassos (AZEV4) +13,95%
  • Infracommerce (IFCM3) +6,43%
  • Arezzo (ARZZ3) +6,36%

As cinco maiores quedas da bolsa

  • CVC (CVCB3) -14,39%
  • PDG (PDGR3) -7,14%
  • C&A (CEAB3) -7,07%
  • Dasa (DASA3) -6,20%
  • Livetech (LVTC3) -5,93%