Melhores e piores da bolsa: Gradiente (IGBR3) lidera altas com mais de 30%, e Wiz (WIZC3) fica com a maior perda

Veja as maiores altas e baixas da bolsa nesta sexta (17)

A Gradiente liderou os ganhos na bolsa nesta sexta-feira (17) depois de a empresa anunciar que o valor justo das ações para oferta pública saltou 300% com uma nova análise feita sobre o preço dos papéis. Com isso, as ações subiram perto de 30% no pregão.

Segundo a companhia, a ofertante, HAG Holdings, que é controladora da IGB, decidiu seguir adiante com a OPA e apresentou a documentação atualizada para análise da Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

Vitória contra a Petrobras impulsiona 3R

Outra empresa que se deu bem no pregão da sexta foi a 3R Petroleum, que subiu mais de 16% com novidades a respeito de uma negociação da empresa com a Petrobras.

A petrolífera avançou na bolsa depois que os investidores souberam que a Petrobras não vai desfazer o contrato que prevê a venda do Polo Potiguar para a 3R. A Petrobras tinha decidido suspender todas as transações por 90 dias, mas o processo foi retomado.

Maior queda

Na ponta inferior, destaque para a Wiz. A empresa de gestão de canais de distribuição, reportou lucro líquido de R$ 35,9 milhões no quarto trimestre de 2022, inferior ao registrado no mesmo período de 2021. O resultado desagradou os investidores e fez os papéis caírem quase 15% ao final da sessão.

Veja as maiores altas* do dia

  • IGB Gradiente (IGBR3) +31,42%
  • 3R (RRR3) +16,72%
  • Ecorodovias (ECOR3) +8,86%
  • Telebras (TELB4) +7,10%
  • Plano e Plano (PLPL3) +7,08%

Confira as maiores quedas*

  • Wiz (WIZC3) -14,64%
  • Priner (PRNR3) -12,14%
  • Hapvida (HAPV3) -10,22%
  • Eztec (EZTC3) -9,52%
  • Infracommerce (IFCM3)  

 *A lista contempla empresas que negociam ações na B3 , dentro ou fora do Ibovespa e outros índices, e que no dia tiveram volume de negociação na casa dos milhões de reais, ou acima disso.

Leia a seguir

Leia a seguir