Bolsas de Nova York fecham em alta, impulsionadas por balanços

As ações da Nike foram destaque pós a companhia de material esportivo registrar um segundo trimestre fiscal considerado positivo pelo mercado

Os principais índices acionários de Nova York fecharam em altanesta quarta-feira (21), impulsionados por balanços corporativos positivos de empresas como Nike e FedEx, trazendo alívio ao mercado.

O índice Dow Jones fechou em queda de 1,60%, a 33.376,48 pontos. Já o S&P 500 avançou 1,49%, a 3.878,44 pontos, e o Nasdaq subiu 1,54%, a 10.709,37 pontos.

Nike é destaque

As ações da Nike fecharam em alta de 12,2% na Bolsa de Nova York (Nyse), cotadas a US$ 115,77, impulsionadas pelo resultado do segundo trimestre fiscal considerado positivo pelo mercado, com recuperação das vendas na China e redução nos estoques.

Para o banco de investimentos Jefferies, um aumento na visibilidade operacional deve melhorar no início do ano que vem e impulsionar as ações, muito impactadas em 2022.

Já o banco de investimento Bryan Garnier acredita que a Nike está à frente da Adidas em termos operacionais, oferecendo um portfólio de produtos mais balanceado, o que a ajuda a capturar antes da retomada na demanda global.

As ações da FedEx contabilizam alta de 5,57%. De acordo com o banco de investimentos Jefferies, um aumento na visibilidade operacional da Nike no início do ano que vem deve impulsionar as ações em 2023.

“Os mercados caíram significativamente nos últimos quatro ou cinco dias, o que provavelmente está levando a um pouco de compra no final do ano”, disse Kiran Ganesh, estrategista de ativos múltiplos do UBS Global Wealth Management.