Bolsas dos EUA ampliam ganhos e Dow Jones bate 2% de alta com otimismo após payroll

Bolsas dos EUA são impactadas por números vistos como positivos no relatório de empregos dos EUA

As bolsas americanas abrem com sinal positivo nesta sexta-feira (2), depois da leitura do payroll, um dos principais balizadores da política de juros do Fed. O relatório apontou criação de 339 mil postos de trabalho em maio após um aumento de 235 mil no mês anterior, acima do esperado, mas os indicadores relacionados a desemprego e renda vieram mostraram um arrefecimento.

Por volta das 13h55, o índice Dow Jones subia 1,99%, a 33.718 pontos. O S&P 500 avançava 1,49%, registrando 4.284 pontos. Já o Nasdaq valorizava 1,12%, a 13.248.

O dólar registrava alta no cenário internacional, com avanço de 0,43% do DXY, índice que mede a variação da moeda com relação a outras divisas importantes.

Desemprego e salário

A taxa de desemprego subiu, para 3,7%, e o salário médio avançou 4,3% em termos anuais nos EUA, resultado mais comedido que os anteriores, o que deixou os investidores otimistas com relação a um refreamento da política de juros.

Os dados apontam para uma desaceleração da economia americana e, por consequência, uma redução da pressão inflacionária no país, que é combatida via política de juros, que estão em patamares históricos.