WEG deve seguir valorizando com promessa de bons resultados para a empresa em 2023, diz Citi

Segundo o banco, a WEG deve continuar sendo uma das principais empresas industriais da América Latina no ano que vem

A WEG (WEGE3) deve continuar sendo um dos destaques entre empresas industriais na América Latina em 2023, continuando sua trajetória de crescimento acelerado e ganhos de mercado, diz o Citi.

Os analistas André Mazini, Renata Cabral e Hugo Grassi Soares escrevem que a companhia se posicionou como a segunda maior fabricante mundial de motores elétricos de baixa voltagem, superando Siemens e ficando somente atrás da ABB.

O banco destaca que a WEG vai continuar procurando novas avenidas para sustentar seu crescimento nos patamares atuais, com iniciativas em eletrificação e energia renovável como os grandes destaques.

Os analistas elevaram as estimativas de receitas da empresa em 11% em 2023 e 2024 e o Ebitda em 13% no ano que vem e 10% em 2024, vendo a WEG se beneficiando de queda de custos e ganhos de produtividade.

O Citi tem recomendação de compra para WEG, com preço-alvo em R$ 44, potencial de alta de 14,5% sobre o fechamento de ontem.