Ações da Nvidia (NVDC34) disparam 27% após projeção de receita de US$ 11 bilhões para o 2º tri

Ações fecharam na quarta-feira acumulando alta de 109% no ano, impulsionadas em grande parte pelo entusiasmo por novos aplicativos de inteligência artificial

As ações da Nvidia dispararam nas negociações pós-mercado, depois que a fabricante de chips previu receita para o trimestre atual que superou as expectativas dos analistas. A ação há pouco subia 27%, para US$ 387.

A empresa com sede em Santa Clara, Califórnia (EUA), disse que espera uma receita de US$ 11 bilhões no segundo trimestre, em comparação com a estimativa dos analistas de US$ 7,2 bilhões.

Suas ações fecharam na quarta-feira acumulando alta de 109% no ano, impulsionadas em grande parte pelo entusiasmo por novos aplicativos de inteligência artificial e pelo papel da empresa no fornecimento de hardware para empresas como o Google.

No primeiro trimestre, a empresa também reportou ganhos e receitas que superaram as expectativas.

Balanço 1º tri fiscal de 2024

A fabricante de chips Nvidia registrou um lucro líquido de US$ 2,04 bilhões no primeiro trimestre fiscal de 2024, uma alta anual de 26%. Diluído por ação, o lucro ficou em US$ 0,82, um crescimento de 28%.

A receita líquida, porém, caiu 13% na mesma base de comparação, para US$ 7,2 bilhões. A receita de Data Center chegou ao patamar recorde de US$ 4,28 bilhões, um avanço de 14% no ano, enquanto a receita da área de jogos caiu 38%, para US$ 2,2 bilhões. Já a receita de automação ficou em US$ 296 milhões, um crescimento de 114% no ano.

A margem bruta caiu 0,9 ponto percentual, para 64,6%.

As despesas operacionais ficaram em US$ 2,5 bilhões, queda de 30% em relação ao mesmo período do ano passado.