Presidente da Turquia passa mal em programa de TV e cancela eventos

O líder turco também cancelou participação presencial no lançamento de uma usina nuclear no sul do país e fará pronunciamento em vídeo no evento

O presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, teve que cancelar compromissos de campanha desta semana após passar mal durante programa de TV ao vivo.

O líder turco também cancelou participação presencial no lançamento de uma usina nuclear no sul do país e fará pronunciamento em vídeo no evento.

O presidente russo, Vladimir Putin, também deve falar de maneira virtual no evento, já que a usina foi financiada pela Rússia.

Erdogan passou mal durante uma entrevista ao vivo para os canais “Ulke TV” e “Kanal 7” e interrompeu a transmissão por 20 minutos. Após a pausa, o presidente voltou ao ar para explicar a interrupção e disse que a intensa agenda de campanha provocou problemas no estômago.

Em entrevista feita para a mídia turca nesta quinta-feira, o ministro da Saúde da Turquia, Fahrettin Koca, disse que Erdogan sofre de “infecção por gastroenterite” desde o início desta semana e que por isso teve que cancelar a agenda para o resto da semana, mas que ele está apresentando melhora. O líder turco tinha outra entrevista ao vivo marcada para essa sexta-feira, que foi cancelada.

Os problemas de saúde de Erdogan surgem durante a mais dura batalha eleitoral do presidente após 20 anos no poder. As eleições acontecem no dia 14 de maio e no momento o candidato da oposição, Kemal Kiliçdaroglu, que representa uma aliança de oposição de seis partidos, lidera a disputa presidencial com margem pequena contra Erdogan.

O último governo do presidente vem sendo duramente questionado na Turquia devido à condução desastrosa da economia, situação que ficou ainda pior depois dos fortes terremotos que atingiram o país em fevereiro e deixaram milhares de mortos.

Leia a seguir

Leia a seguir