Petrobras (PETR3; PETR4) reduz preço do diesel nas refinarias em R$ 0,38 por litro

Esse é o quarto corte anunciado pela companhia desde o começo do governo Lula

A Petrobras (PETR3; PETR4) anunciou nesta sexta-feira redução de 9,90%, ou R$ 0,38 por litro, nos preços do óleo diesel nas refinarias da estatal. Com a redução, o litro do óleo diesel cairá de R$ 3,84 para R$ 3,46.

Os novos valores entram em vigor a partir do sábado (29).

É a quarta redução do preço do diesel pela Petrobras em 2023 (início do governo Lula) e a oitava redução desde junho de 2022, quando a estatal promoveu a última alta (ainda na gestão Jair Bolsonaro).

Em comunicado divulgado, a Petrobras afirmou que “considerando a mistura obrigatória de 88% de diesel A e 12% de biodiesel para a composição do diesel comercializado nos postos, a parcela da Petrobras no preço ao consumidor será, em média, R$ 3,05 a cada litro vendido na bomba”.

Além disso, a companhia destacou que “a redução do preço da Petrobras tem como objetivos principais a manutenção da competitividade dos preços da companhia frente às principais alternativas de suprimento dos seus clientes e a participação de mercado necessária para a otimização dos ativos de refino”, completou a petroleira.

Gás natural mais barato também

A Petrobras também reiterou que vai reduzir os preços do gás natural em 8,1% em R$/m³, com relação ao trimestre fevereiro-março-abril, considerando a variação do preço da molécula e do seu transporte por dutos.

A empresa já havia anunciado o corte em comunicado no dia 17 de abril.

A redução não se refere ao preço do GLP (gás de cozinha), envasado em botijões ou vendido a granel. Com a atualização, o preço do gás natural vendido pela Petrobras para as distribuidoras acumulará redução de aproximadamente 19% no ano.

A companhia reforça que o preço final do gás natural ao consumidor não é determinado apenas pelo seu preço de venda, mas também pelo portfólio de suprimento de cada distribuidora, assim como por suas margens (e, no caso do GNV- Gás Natural Veicular, dos postos de revenda) e pelos tributos federais e estaduais.

Leia a seguir

Leia a seguir