LVMH se torna primeira companhia europeia a superar US$ 500 bi em valor de mercado

Conglomerado é controlado por Bernard Arnault, considerado o homem mais rico do mundo

As ações da LVMH subiam na Bolsa de Paris nesta segunda-feira (24) e o conglomerado de luxo francês se tornou a primeira empresa europeia a ultrapassar uma avaliação de US$ 500 bilhões em valor de mercado.

Levando em conta os valores da última semana, somente nove companhias no mundo valem pelo menos US$ 500 bilhões. A Apple é a empresa mais valiosa do planeta, com valor de US$ 2,6 trilhões. A Aramco é a única companhia não americana do grupo.

A LVMH é controlada pelo bilionário Bernard Arnault, que se posicionou como o homem mais rico do mundo nas últimas semanas, superando Elon Musk, apoiado na valorização das ações do conglomerado.

A companhia é controladora de marcas de luxo com alcance global, como Louis Vuitton, Dior, Tiffany & Co, Givenchy, entre outras. No primeiro trimestre, a LVMH registrou receitas de 21 bilhões de euros, crescimento de 17% na comparação anual.

Leia a seguir

Leia a seguir