Ações da Azul (AZUL4) têm forte alta; Santander aponta tráfego aquecido e boas perspectivas

Na última semana, a Azul divulgou que seu tráfego de passageiros consolidado subiu 8,1% em março

As ações da Azul (AZUL4) sobem 2,32% por volta das 11h40 desta segunda-feira, cotadas a R$ 11,01. O bom desempenho sucede o fato de que a empresa teve, ao longo do mês de março, aumento robusto do tráfego.

Além disso, a empresa tem expansão robusta na capacidade e boas perspectivas para o restante do primeiro semestre. A análise é do Santander.

Os analistas Lucas Barbosa, Lucas Esteves e Gabriel Tinem do Santander escrevem que a companhia é beneficiada com comparações anuais favoráveis e também com redução de rotas há um ano por conta do conflito na Ucrânia.

Tráfego e capacidade aumentam

Na última semana, a Azul divulgou que seu tráfego de passageiros consolidado subiu 8,1% em março, na comparação anual.

A capacidade de voos aumentou 9,4% no mesmo período, enquanto a taxa de ocupação consolidada da companhia aérea ficou em 77,8%.

Recomendação para ações da Azul

O Santander tem recomendação neutra para Azul, com preço-alvo em R$ 13,70.

Leia a seguir

Leia a seguir