BB se anima com Magalu (MGLU3), sobe preço-alvo e reforça recomendação de compra

Por outro lado, o banco cortou o preço-alvo de Via (VIIA3) e reiterou recomendação neutra

O BB Investimentos elevou o preço-alvo de Magazine Luiza (MGLU3) de R$ 3,50 para R$ 4,20, potencial de alta de 26,8% sobre o fechamento de sexta (31), reiterando recomendação de compra. Por outro lado, o banco cortou o preço-alvo de Via (VIIA3) de R$ 3,30 para R$ 2,30, potencial de 22,3%, reiterando recomendação neutra.

Por volta das 15h25 desta segunda-feira (3), as ações de Magazine Luiza caíam 1,21%, cotadas em R$ 3,27, enquanto Via recuava 5,32%, a R$ 1,78.

Perspectivas moderadamente positivas

A analista Georgia Jorge escreve que as perspectivas para o setor são moderadamente positivas, com o cenário de consumo se mantendo vagaroso por mais algum tempo, mas a evolução nas discussões fiscais pode levar uma redução nos prêmios cobrados pelos investidores, ajudando a destravar valor nas ações.

Novos resultados e premissas

O banco atualizou estimativas para as duas companhias, inserindo resultados recentes e novas premissas macroeconômicas. Optaram por manter uma posição mais cautelosa quanto a Via por conta de desiquilíbrios nos canais de vendas, além de uma situação de alavancagem menos favorável.

A chegada de Renato Franklin como novo diretor-presidente da Via é um movimento positivo, aponta a analista, um executivo com experiência em varejo, o que pode ser o que a companhia precisa neste momento para iniciar um novo ciclo estratégico e aproveitar o espaço deixado pela Americanas.

Leia a seguir

Leia a seguir