Pagamento do PIS/Pasep começa nesta terça-feira (8): saiba se você tem direito e como sacar

Separamos as principais informações com calendário, valores e quem pode ou não sacar o dinheiro
Pontos-chave:
  • Os valores são referentes a 2020 e estarão disponíveis para saque até o dia 31 de dezembro
  • O trabalhador pode receber até um salário mínimo, de acordo com a quantidade de meses trabalhados

Nesta terça-feira (8), trabalhadores da iniciativa privada poderão começar a sacar os pagamentos do abono salarial PIS/Pasep deste ano. Os valores são referentes ao ano-base 2020 e estarão disponíveis para saque até o dia 31 de dezembro. Separamos abaixo as principais informações sobre calendário de pagamento, valores e quem tem direito ao benefício:

Quem tem direito?

Tem direito ao abono salarial quem recebeu, em média, até dois salários mínimos mensais com carteira assinada e exerceu atividade remunerada durante, pelo menos, 30 dias, no ano-base de pagamento. “O trabalhador precisa estar cadastrado no PIS há pelo menos cinco anos e ter recebido uma remuneração de até dois salários mínimos em 2020”, explica Graziela Fortunato especialista em finanças pessoais e coordenadora do MBA em Finanças Corporativas do IAG – Escola de Negócios PUC-Rio.

Não têm direto ao abono salarial as seguintes categorias: empregado(a) doméstico(a), trabalhadores rurais empregados por pessoa física, trabalhadores urbanos empregados por pessoa física e trabalhadores empregados por pessoa física equiparada a jurídica.

Qual o valor do abono?

O trabalhador pode receber o valor de até um salário mínimo, de acordo com a quantidade de meses trabalhados. “Se você se encaixa nos requisitos e trabalhou os 12 meses de 2020, receberá um salário mínimo. O valor é proporcional aos meses trabalhados”, ressalta Graziela. Portanto, o abono varia de R$ 101 a R$ 1.212. A conta é simples: divida R$ 1.212 por 12 e multiplique pela quantidade de meses trabalhados. 

Quais as datas de pagamento?

O calendário leva em consideração o mês de nascimento, para trabalhadores da iniciativa privada, e o número final da inscrição, para servidores públicos. Os pagamentos começam no dia 8 de fevereiro para trabalhadores da iniciativa privada e em 15 de fevereiro para servidores públicos. Os beneficiários têm até o dia 29 de dezembro para sacar o dinheiro. Confira as datas de pagamento:

Como consultar e sacar o benefício?

Você pode descobrir se tem direito ao benefício pela carteira de trabalho digital ou ligando para o número 158. Também é possível acessar o portal gov.br e ver se está habilitado para o benefício na aba “Benefícios”  e “Abono Salarial”. 

Os trabalhadores da iniciativa privada que têm conta corrente ou poupança receberão o valor automaticamente. Os demais beneficiários receberão em uma poupança social digital, que pode ser movimentada pelo aplicativo Caixa Tem. Também será possível fazer o saque fisicamente nos caixas eletrônicos da Caixa ou em casas lotéricas e correspondentes bancários da Caixa, por meio do Cartão Social.

Dica para usar bem o dinheiro

“Sabemos que por conta da pandemia, perda de emprego e alta da inflação, muitas pessoas acabam se endividando para pagar contas básicas. Por isso, a sugestão é usar o abono, primeiramente, para pagar e regularizar dívidas. Se ainda sobrar dinheiro, é importante ter a consciência de poupar e, se possível, aplicar em opções de investimentos mais seguras, como na renda fixa”, ressalta Gisele.

Leia a seguir

Leia a seguir