Petrobras acompanha alta do petróleo e impulsiona Ibovespa

Investidores permanecem atentos aos desenvolvimentos da tensão no leste europeu

A B3, Bolsa de Valores brasileira (Foto: Divulgação)

Mesmo com a tensão geopolítica entre Ucrânia e Rússia e a divulgação da ata da última reunião de política monetária do Fed (Federal Reserve, o banco central americano) no radar dos investidores, o Ibovespa voltou a avançar nesta quarta-feira 16), impulsionado pela recuperação dos papéis ligados às commodities, principalmente a Petrobras

O Ibovespa terminou o pregão com alta de 0,31%, aos 115.180 pontos. A ação preferencial da Petrobras ganhou 1,39%, cotada a R$ 32,93, enquanto a da 3R Petroleum subiu 0,38%, para R$ 37,15. O petróleo tipo Brent chegou a subir 3% em Londres, para US$ 96,07 o barril, e perdeu força no final do dia. “A alegação da Rússia de que vai retirar parcialmente as tropas da fronteira com a Ucrânia aliviou ligeiramente a pressão que a tensão geopolítica tinha sobre o mercado da energia”, segundo a consuoltoria a Rystad Energy. “Contudo, a ameaça da oferta persiste, especialmente se a Rússia continuar com grandes manobras militares na região.” Se existe perspectiva de alta na demanda, os preços avançam. 

A maior alta do pregão foi da ação do Carrefour, com ganhos de 5,31%, cotada a R$ 16,85, após registrar lucro líquido de R$ 1 bilhão no 4º trimestre, avanço de 8,8% ante igual período de 2020. “Os números do ficaram em linha com nossas projeções, mas superaram nossas estimativas de rentabilidade, principalmente devido a uma margem Ebitda 7,9% melhor do que o esperado no segmento de atacarejo”, escreveram analistas do Itaú BBA.

O dólar comercial caiu 1,01%, vendido a R$ 5,12, o menor valor em quase sete meses. 

Com Valor PRO, serviço de informação em tempo real do Valor Econômico


Você também pode gostar
Redação IF Publicado em 01.jul.2022 às 18h00
Ibovespa tem sessão de alta liderada por Petrobras e sobe 0,29% na semana

Entre as baixas, se destacaram empresas do setor de minério de ferro devido à preocupação com a retomada da China

Redação IF Publicado em 01.jul.2022 às 17h45
Juros futuros fecham em queda, em linha com taxas dos títulos públicos globais

Medo de recessão nos EUA pesou mais do que riscos fiscais no Brasil

Redação IF Publicado em 01.jul.2022 às 15h23
Track&Field anuncia programa de recompra de ações; conheça a estratégia

Muitos motivos levam uma empresa a realizar uma OPA, e você pode ganhar dinheiro com isso

Manhã Inteligente Publicado em 01.jul.2022 às 11h11
Queda generalizada nas Bolsas de Valores do Brasil e EUA, PEC aprovada pelo Senado

Isabella Carvalho e Caio Camargo falam sobre esses e outros assuntos que podem afetar seu bolso nesta sexta (1)

Valor Econômico Publicado em 01.jul.2022 às 08h34
Cenário de recessão pode piorar mercado acionário nos EUA, alerta pesquisador

Noriel Roubini considera como 'perigosamente ingênua' a visão de analistas que a recessão será leve e de curta duração