Puxado por Petrobras, Ibovespa opera em alta, próximo dos 106 mil pontos

Dólar comercial recua 0,55%, para R$ 5,5644

Investidores observam painel no prédio da Bolsa de Valores em São Paulo
Pessoas observam painel eletrônico da da Bolsa de Valores, com gráfico do Ibovespa (Foto: Marco Ankosqui/Agência O Globo)

O Ibovespa firma seu terceiro pregão de alta consecutiva nesta quinta-feira. As ações da Petrobras seguem em alta nesta quinta-feira (25), puxando o Ibovespa, que sobe 1,46%, a 106.036 pontos por volta de 15h. O volume negociado até o início da tarde foi de R$ 7,1 bilhões, com projeção de giro de R$ 15 bilhões até o final da sessão. A sessão deverá ter liquidez reduzida, já que Wall Street para em razão do feriado de Ação de Graças.

Entre as empresas, destaque positivo para as ações do setor aéreo e turismo. CVC Brasil ON saltava 8,33%, Gol PN ganhava 7,57% e Azul PN subia 3,43%, na esteira de uma reabertura cada vez mais forte e após União Europeia recomendar que os países-membros aceitem turistas imunizados com a Coronavac. A Vale, por outro lado, cai 0,89%, a R$ 70,35. O preço do minério interrompeu uma sequência de quatro altas seguidas nesta quinta, ao cair 0,4% no porto de Qingdao, para US$ 102,35 por tonelada

Além das ações da petroleira, o salto do Ibovespa se dá pelo alívio momentâneo vindo de Brasília e por um ambiente comprador para ativos locais, mesmo após o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgar nova alta do IPCA-15, considerado a prévia da inflação.

O índice avançou 1,17% em novembro, após elevação de 1,20% um mês antes. Conforme o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), essa é a maior variação para um mês de novembro desde 2002, quando subiu 2,08%. A gasolina foi a principal influência para a alta do IPCA-15 em novembro. O preço do item subiu 6,62% e respondeu por 0,40 ponto percentual da taxa de 1,17%, quase um terço do índice.

O dólar comercial recua 0,55%, para R$ 5,5644. O dólar turismo cai 0,52% para R$ 5,7775.


Você também pode gostar
Redação IF Atualizado em 20.maio.2022 às 19h54
Principais índices dos EUA estendem a série de semanas de ações no vermelho; o que esperar?

Todos os três índices terminaram a semana em queda de pelo menos 2,9%

Redação IF Publicado em 20.maio.2022 às 17h52
Ibovespa sobe 1,39% com alta das commodities; na semana, avanço é de 1,46%

Investidores estão otimistas com a retomada dos estímulos econômicos pela China

Redação IF Publicado em 20.maio.2022 às 15h02
Vale a pena usar o FGTS para investir na Eletrobras? Conheça a resposta aqui

Aplicação no FGTS-Vale rendeu 2.233% desde 2002. Rendimento do Fundo foi bem menor, de 136% no período

Redação IF Publicado em 20.maio.2022 às 14h27
Ação do Nubank cai quase 9%, mesmo após BTG ter elevado recomendação para ‘neutra’

Nubank agora tem um valor de mercado de US$ 19,9 bilhões, abaixo de Itaú, Bradesco, Santander e Banco do Brasil

Redação IF Atualizado em 20.maio.2022 às 17h58
Dólar tem queda de 0,89% com corte de juros na China e acumula baixa de 3,64% na semana

O real seguiu o movimento das moedas de países emergentes nesta sexta (20)

Manhã Inteligente Publicado em 20.maio.2022 às 10h40
ETFs de renda fixa, privatização da Eletrobras, queda de lucro de empresas

Isabella Carvalho e Caio Camargo falam sobre esses e outros assuntos que podem afetar seus investimentos nesta sexta (20)