Dólar fecha em queda de olho na aprovação da PEC dos Precatórios e PIB

Nesta quinta-feira, moeda norte-americana recuou 0,21%, cotada a R$ 5,6585; alta acumulada é de 1,14% na semana e de 9,09% no ano

Dólar termina a terça-feira em leve alta (Foto: Pixabay)

O dólar fechou em queda nesta quinta-feira (2), de olho na aprovação da PEC dos Precatórios pelo Senado e nos números oficiais do PIB (Produto Interno Bruto) do Brasil no 3º trimestre, que apontaram que o país entrou em recessão técnica.

A moeda norte-americana recuou 0,21%, cotada a R$ 5,6585. Na quarta-feira, o dólar fechou em alta de 0,91%, a R$ 5,6703. Com o resultado desta quinta, acumula alta de 1,14% na semana e de 9,09% no ano.

No exterior, os investidores monitoraram a ameaça representada pela variante Ômicron do coronavírus e a velocidade com que o Federal Reserve reduzirá os estímulos nos Estados Unidos.

Na cena local, o mercado seguiu de olho na tramitação da PEC dos Precatórios, que foi aprovada pelo Senado nesta quinta-feira, mas retornou à Câmara após sofrer alterações. Considerada prioritária pelo governo do presidente Jair Bolsonaro, a proposta altera o prazo de correção do teto de gastos pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), o que abriria espaço fiscal para o pagamento de auxílio de R$ 400 por família em 2022, mas é amplamente vista como prejudicial à credibilidade fiscal do país, já que modificaria a principal âncora para os gastos do governo.

Os mercados também avaliam os dados do PIB do terceiro trimestre, que registrou queda de 0,1%. Os dados do segundo trimestre também foram revisados para baixo, mostrando uma queda de 0,4%.


Você também pode gostar
Redação IF Publicado em 24.maio.2022 às 11h20
Dólar inverte sinal e passa a cair abaixo de R$ 4,80

Moeda americana era negociada a R$ 4,78 na mínima do dia

Redação IF Publicado em 20.maio.2022 às 17h52
Ibovespa sobe 1,39% com alta das commodities; na semana, avanço é de 1,46%

Investidores estão otimistas com a retomada dos estímulos econômicos pela China

Redação IF Atualizado em 20.maio.2022 às 17h58
Dólar tem queda de 0,89% com corte de juros na China e acumula baixa de 3,64% na semana

O real seguiu o movimento das moedas de países emergentes nesta sexta (20)