Dólar fecha semana com alta de 0,74%, com pressão de fluxo de saída

Apesar do avanço no dia, o dólar acumulou queda de 1,20% na semana, refletindo certo otimismo com o noticiário relativo à variante ômicron do novo coronavírus

Dólar termina a semana em queda (Foto: Pixabay)

O tradicional fluxo sazonal de saída no fim de ano por parte de empresas que remetem lucros e dividendos, impeliu novamente o dólar a fechar em alta moderada nesta sexta-feira.

Sem direcionamento dado pelo exterior, onde as divisas emergentes operam sem direção única, a moeda americana acabou sendo guiada pelo movimento no mercado à vista, que teve , inclusive, que ser amenizado com nova intervenção não programada do Banco Central.

No encerramento do dia, dólar comercial subiu R$ 5,6142, alta de 0,74%. No mesmo horário, ele cedia 0,33% contra o peso mexicano e 0,41% ante o rublo russo, mas subia 0,27% na comparação com o rand sul-africano e 0,77% frente à lira turca.


Você também pode gostar
Redação IF Publicado em 17.maio.2022 às 17h32
Dólar fecha em queda de 2,14%, a R$ 4,9419, com exterior positivo

A redução das medidas de restrição na China favoreceu a das commodities e beneficiou moedas de países exportadores

Redação IF Publicado em 16.maio.2022 às 15h25
Ações da Infracommerce têm forte queda após notícia de demissões na empresa

Os desligamentos teriam ocorrido por conta de 'mudanças no orçamento'