Anbima passa a divulgar taxa de FIDC diariamente

Dados estarão disponíveis no site da entidade todos os dias a partir das 20h

Anbima passa a divulgar taxa de FIDC diariamente

Pontos-chave

  • A associação busca fomentar a liquidez desses fundos
  • O volume de ofertas públicas de FIDCs está no maior patamar dos últimos seis anos
  • Serão fornecidos inicialmente os dados de dez cotas selecionadas pela Comissão de FIDCs da entidade

A Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais (Anbima) passa a fazer nesta segunda-feira a divulgação diária das taxas e de preços indicativos de Fundos de Investimento em Direito Creditório (FIDCs). Os dados estarão disponíveis no site da entidade todos os dias a partir das 20h.

Com a iniciativa, a Anbima busca fomentar a liquidez desses fundos, segundo Hilton Notini, gerente de preços e índices da entidade. “Vamos estimular a negociação desses ativos dando transparência e fornecendo informações de forma igualitária para todo o mercado”, afirma.

O volume de ofertas públicas de FIDCs está no maior patamar dos últimos seis anos, segundo a Anbima, com R$ 42,6 bilhões emitidos até setembro deste ano, em 335 operações. O resultado supera o total movimentado em 2020, quando foram registrados R$ 33,8 bilhões, em 306 ofertas.

Inicialmente, serão fornecidos os dados de dez cotas selecionadas pela Comissão de FIDCs da entidade. Com o tempo, a expectativa é aumentar esse número. “Começamos a precificação de debêntures da mesma forma, com oito ou dez ativos, e hoje temos informações de 600”, diz Notini.

A Anbima já fornece diariamente a precificação de títulos públicos federais, debêntures, Certificados de Recebíveis Imobiliários (CRIs) e Certificados de Recebíveis do Agronegócio (CRAs).

Para chegar aos valores divulgados, a entidade faz uma coleta diária de informações com associados, como corretoras, gestoras e tesourarias. O objetivo é saber, por exemplo, quanto cada um desses agentes acha que determinado ativo vale naquele momento. Após o tratamento dos dados com o uso de uma metodologia específica, as informações são divulgadas publicamente na internet.


Você também pode gostar
Redação IF Publicado em 25.maio.2022 às 10h10
Ibovespa tem tendência de queda com inflação e Petrobras se mantendo no radar

Investidores aguardam a divulgação da ata da última reunião do Fed

Redação IF Publicado em 25.maio.2022 às 08h55
Inflação: pequenas mudanças driblam a disparada dos preços

Com regras simples, você vai tomar as melhores decisões para o seu bolso

Glossário IF Publicado em 24.maio.2022 às 17h24
B3: como surgiu, qual é sua história, o que ela faz?

A Bolsa de Valores brasileira é uma das dez maiores do mundo e a maior da América Latina. Saiba mais no Glossário IF

Redação IF Atualizado em 25.maio.2022 às 08h00
Nubank renova mínimas históricas e já vale menos que o BTG. Efeito colateral do fim do lock-up?

Valor de mercado do Nubank corresponde a menos de um terço do Itaú, que vale US$ 48,8 bilhões; no IPO em dezembro, o Nubank estreou com valor de US$ 41,5 bilhões

Redação IF Publicado em 24.maio.2022 às 11h20
Dólar inverte sinal e passa a cair abaixo de R$ 4,80

Moeda americana era negociada a R$ 4,78 na mínima do dia

Redação IF Publicado em 24.maio.2022 às 10h23
Presidente do Bradesco diz que inflação deve começar a ficar ‘mais controlada’ a partir de 2023

Octavio de Lazari Junior acredita também que a taxa de juros 'só poderá ser reduzida no ano que vem'

Redação IF Publicado em 24.maio.2022 às 07h56
Citi: nova troca cria riscos na estratégia de longo prazo da Petrobras

Banco destaca em relatório uma 'significativa interferência externa' na empresa