Calendário de dividendos: saiba que empresas distribuirão lucros a partir da segunda semana de maio

Confira as empresas que irão distribuir dividendos e juros sobre capital próprio aos acionistas a partir de maio

A Usiminas divulgou na quinta-feira (28) que vai pagar R$ 734,2 milhões em dividendos aos seus acionistas. O valor dos proventos será de R$ 0,57 por ação ordinária e R$ 0,62 por ação preferencial. O pagamento será realizado dia 27 de junho, conforme fato relevante divulgado pela empresa. Terão direito de receber os rendimentos os investidores com ações da Usiminas até 28 de abril. A partir desta sexta, as ações serão negociadas sem direito aos dividendos.

Se você não tem ação da Usiminas na carteira confira outras empresas que irão distribuir dividendos e juros sobre capital próprio aos acionistas a partir de maio.

Assaí

Os acionistas da rede de atacarejo Assaí aprovaram a distribuição de dividendos de R$ 168,4 milhões (R$ 0,13 por ação ordinária), em assembleia realizada na quinta-feira (28). O pagamento será em 27 de junho aos acionistas com posição até dia 28 de abril. A partir de sexta (29) de abril, os papéis passam a ser negociados “ex-dividendos”.

Cemig

A Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) declarou que vai distribuir R$ 245 milhões em juros sobre capital próprio, o equivalente a R$ 0,1447 por ação em valores brutos. O pagamento será realizado até 30 de dezembro deste ano para acionistas posicionados em 28 de março. A partir do dia 29, os papéis serão negociados sem direito ao provento.

Dexxos

A Dexxos comunicou que foi aprovado na quinta-feira (28), em assembleia, o pagamento de R$ 36,1 milhões em dividendos aos acionistas posicionados a data. O pagamento será feito até 31 de dezembro deste ano. Do montante, R$ 33,9 milhões serão pagos aos acionistas titulares de ações ordinárias, o equivalente a R$ 0,3848 por ação. Os demais R$ 2,1 milhões, ou R$ 0,4056 por papel, será pago aos titulares de preferenciais. As ações passam a ser negociadas como “ex-dividendos” a partir de sexta-feira (29).

Engie

A Engie Brasil também comunicou ao mercado que seus acionistas aprovaram dividendos complementares de R$ 549,8 milhões, o equivalente a R$ 0,6738 por ação. O montante é referente ao exercício de 2021. Os dividendos serão pagos em data a definir para acionistas posicionados em 11 de maio. A partir do dia 12, os papéis serão negociados sem direito ao provento. De acordo com a companhia, o total de proventos relativo ao ano passado atingiu R$ 2,04 bilhões, equivalente ao total do lucro líquido ajustado e do lucro retido destinado a reserva de lucros em 2020.

Hypera

O conselho de administração da Hypera aprovou R$ 194,8 milhões em juros sobre capital próprio, o equivalente a R$ 0,3088 por ação ordinária em valores brutos. O valor está sujeito à retenção de Imposto de Renda na fonte e será imputado aos dividendos de 2022. O pagamento será realizado até o final deste ano para acionistas posicionados em 28 de março. A partir do dia 29, os papéis serão negociados sem direito ao provento. Não haverá atualização monetária sobre o montante.

JSL

A JSL comunicou ao mercado que os acionistas aprovaram o pagamento de R$ 61,5 milhões em dividendos, o equivalente a R$ 0,2161 por ação. Do valor total, R$ 25,8 milhões, ou R$ 0,0907 por ação, são referentes a saldo remanescente do dividendo mínimo obrigatório. Outros R$ 35,7 milhões, R$ 0,1254 por ação, são dividendos adicionais. O pagamento será realizado em 17 de maio para acionistas posicionados em 5 de maio. Os papéis serão negociados sem direito aos proventos a partir de 6 de maio.

Light

A Light aprovou a distribuição de R$ 94,5 milhões em dividendos mínimos obrigatórios, o equivalente a R$ 0,2537 por ação ordinária. O pagamento será realizado até o final deste ano para acionistas posicionados até o dia 27 de abril. A partir disso, os papéis da companhia serão negociados sem direito ao provento. Não haverá correção ou atualização monetária ou incidência de juros sobre o valor.

Magazine Luiza

O Magazine Luiza informou ao mercado que irá realizar pagamento de R$ 100 milhões em juros sobre capital próprio, equivalente a R$ 0,0154 por ação , no próximo dia 6 de maio. O provento foi aprovado pela companhia em junho do ano passado. Farão jus acionistas que estavam na base até o dia 5 de julho de 2021. Os papéis passaram a ser negociados “ex-juros” em 6 de julho de 2021.

PetroRecôncavo

A PetroRecôncavo também aprovou a distribuição de R$ 40,563 milhões em remuneração relativa ao exercício social de 2021. O valor equivale a R$ 0,1633 por ação. O pagamento será realizado em 10 de maio para acionistas posicionados até o dia 27 de abril. A partir disso, os papéis serão negociados sem direito ao provento.

Rede Energia

Os acionistas da Rede Energia Participações, do Grupo Energisa, chancelaram o pagamento de R$ 340,923 milhões em dividendos relativos ao exercício de 2021,o equivalente a R$ 0,1615 por ação ON. Os dividendos serão pagos em 27 de junho e terão como base a posição acionária de 02 de maio, com a ação passando a ser negociada sem direito a esse provento na manhã seguinte.

Rumo

A Rumo irá pagar R$ 35,7 milhões em dividendos, já aprovados em conselho. Corresponde a R$ 0,0193 por ação. O montante é referente ao exercício social de 2021. O pagamento será feito em 31 de maio para acionistas posicionados até o dia 27 de abril. A partir disso, os papéis serão negociados sem direito ao provento.

Simpar

A Simpar informou, em aviso aos Acionistas enviado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM) na noite de quarta-feira (27), que aprovou em assembleia o pagamento de dividendos no valor total de R$ 426 milhões, correspondente a R$ 0,51 por ação, sendo saldo remanescente a pagar do dividendo mínimo obrigatório de R$ 122.377, correspondente a R$ 0,14 por ação, e dividendo adicional de R$ 304.261.397, correspondente a R$ 0,36 por ação. As ações da companhia serão negociadas ex-direito aos dividendos a partir de 6 de maio de 2022, inclusive.

Taurus

A Taurus anunciou que seu conselho aprovou o pagamento de R$ 194,3 milhões em dividendos, o equivalente a R$ 1,65 por ação ordinária e preferencial, sendo R$ 0,58 em estatutários e R$ 1,07 em distribuição adicional. De acordo com a empresa, farão jus aos proventos os acionistas que estiverem na base da empresa até o dia 19 de abril. Em 20 de abril os papéis passam a ser negociados “ex-dividendos” e o pagamento será efetuado nesta sexta, dia 29 de abril.

Track & Field

A Track&Field, aprovou, em assembleia geral ordinária e extraordinária que o pagamento de R$ 9,881 milhões em dividendos foi aprovado. Terão direito ao pagamento acionistas presentes até 27 de abril na base da empresa, com as ações sendo negociadas “ex-direitos” aos dividendos na manhã seguinte, em 28 de abril. O pagamento será realizado até 31 de maio.

Segundo a companhia, somados aos R$ 9,530 milhões já distribuídos em juros sobre capital próprio, a Track&Field terá distribuído um total de R$ 19,411 milhões. O montante é equivalente a R$ 0,0063 por ação ordinária ou preferencial e corresponde a mais de 25% do lucro líquido ajustado, limite mínimo exigido.

Viveo

A Viveo, que atua no segmento de insumos e serviços hospitalares, comunicou que pagará, em 11 de maio, R$ 44,6 milhões em dividendos aos acionistas posicionados até sexta-feira 29. O pagamento foi aprovado em assembleia geral ordinária. O valor por ação foi ajustado, passando de R$ 0,1559 para R$ 0,1574 devido às ações que a companhia mantém tesouraria. As ações passam a ser negociadas como “ex-dividendos” a partir de segunda-feira.

Weg

O conselho de administração da WEG aprovou a liberação de R$ 154,3 milhões em juros sobre capital próprio, o equivalente a R$ 0,0367 por ação em valores brutos. Considerando o Imposto de Renda retido na fonte, o valor líquido é de R$ 0,0312. O pagamento está sujeito à aprovação de assembleia geral de acionistas. O pagamento será realizado em 17 de agosto para acionistas posicionados em 25 de março. A partir do dia 28, os papéis serão negociados sem direito ao provento.

Yduqs

A Yduqs comunicou que aprovou em assembleia o pagamento de dividendos no valor de R$ 37,5 milhões, correspondendo a R$ 0,1262 por ação ordinária. O provento, referente ao exercício de 2021, será pago até o fim deste ano aos acionistas posicionados sexta-feira (29). As ações passam a ser negociadas como “ex-dividendos” a partir de sexta-feira (29).

Não está por dentro do que são os tais dividendos?


Você também pode gostar
Redação IF Publicado em 20.maio.2022 às 08h16
Bolsas asiáticas fecham em alta após China cortar taxa de juros

Mesmo assim, os investidores seguem atentos à perspectiva de aumento dos juros nos EUA

Redação IF Publicado em 20.maio.2022 às 08h09
Fundos de ações de Petrobras e Vale renderam até 25 vezes mais que o FGTS desde o lançamento

Trabalhador poderá usar dinheiro do fundo de garantia para comprar ações da Eletrobras

Redação IF Atualizado em 19.maio.2022 às 13h41
Bolsas americanas perdem US$ 1,5 tri em um dia, e índices operam em queda nesta quinta

Temor de inflação global maior e recessão nos EUA leva nervosismo aos mercados. Na Europa, pregões operam em queda de mais de 2%

Redação IF Publicado em 19.maio.2022 às 10h53
Como o trabalhador poderá usar o FGTS para comprar ações da Eletrobras

Tipo de investimento já foi feito anteriormente em vendas de ações da Petrobras e da Vale