Ação de Magazine Luiza cai 11%, maior queda do Ibovespa; Americanas cai 7%

Ações de varejo com dependência maior de crédito tendem a ser mais afetadas pela alta dos juros

B3, a Bolsa de Valores de São Paulo
B3, a Bolsa de Valores de São Paulo (Foto: Patricia Monteiro/Bloomberg/Reprodução O Globo)

As ações de Magazine Luiza permanecem nesta tarde entre as maiores quedas do dia — pela manhã, a ON da rede e da Totvs se revezavam na liderança dos papéis do Ibovespa com as maiores quedas. A rede varejista perdia 11% de seu valor de mercado por volta das 16h, com R$ 622 milhões negociados e 55 mil negócios.

Ações de varejo com dependência maior de crédito tendem a ser mais afetadas pelos juros futuros, que têm registrado maiores altas hoje após o comunicado do Copom, e na visão de gestores isso impacta mais papéis de Magazine, Via e Americanas — essas duas últimas, porém, recuam menos hoje. O papel da primeira tem retração 5,96% e da Americanas, cai 8,17% — esta registra a sexta maior desvalorização no Ibovespa hoje.

O Magazine Luiza publica seus números do primeiro trimestre no dia 16, a Via, no dia 9, e a Americanas, no dia 12.


Você também pode gostar
Redação IF Atualizado em 19.maio.2022 às 13h41
Bolsas americanas perdem US$ 1,5 tri em um dia, e índices operam em queda nesta quinta

Temor de inflação global maior e recessão nos EUA leva nervosismo aos mercados. Na Europa, pregões operam em queda de mais de 2%

Redação IF Publicado em 19.maio.2022 às 10h53
Como o trabalhador poderá usar o FGTS para comprar ações da Eletrobras

Tipo de investimento já foi feito anteriormente em vendas de ações da Petrobras e da Vale

Redação IF Atualizado em 19.maio.2022 às 09h39
Bolsas europeias caem mais de 2% e futuros de NY sinalizam continuidade das perdas

Clima de cautela prevalece nos negócios em meio às preocupações com o impacto da inflação elevada no crescimento econômico global