Entenda por que o dinheiro continua fluindo para as criptomoedas

Fundos de venture capital focados em criptomoedas arrecadaram US$ 11,92 bilhões no primeiro trimestre deste ano

Foto: Valor Econômico

Pontos-chave

  • Até quarta-feira (18), US$ 3,9 bilhões foram investidos no setor no segundo trimestre, disse a empresa de pesquisa CB Insights

O dinheiro continua fluindo para as criptomoedas, correndo contra o fluxo constante de más notícias e turbulências do mercado. Nesta quinta-feira, a Round 13 Capital, com sede em Toronto, disse que levantou US$ 70 milhões para investir em empresas de blockchain. A empresa de venture capital (capital de risco) já investiu US$ 15 milhões em seis negócios, espera arrecadar outros US$ 30 milhões para investimentos e quer aplicar todo o seu capital nos próximos dois anos.

“Acho que este é o momento mais oportuno para investir”, disse Satraj Bambra, sócio-fundador da empresa. “Estamos vendo mais talentos entrando neste espaço. É muito oportunista.”

A Round 13 está se juntando a empresas como a Haun Ventures, que anunciou em março que levantou US$ 1,5 bilhão para investimentos iniciais em startups relacionadas a criptomoedas.

Além disso, a Bain Capital Crypto lançou um fundo de estreia de US$ 560 milhões em março e contratou uma equipe de dez pessoas que rapidamente destinou US$ 160 milhões para cerca de uma dúzia de negócios de criptomoedas.

Os fundos de venture capital focados em criptomoedas arrecadaram US$ 11,92 bilhões no primeiro trimestre deste ano, um valor semelhante ao quarto trimestre e cerca de 24 vezes o valor arrecadado no primeiro trimestre de 2021, de acordo com a Dove Metrics, um banco de dados de captação de recursos de criptomoedas.

Esse dinheiro não demorou muito para chegar às empresas. As startups de criptomoedas e blockchain arrecadaram mais de US$ 9 bilhões em negócios de ações durante o primeiro trimestre, mais que o dobro do total arrecadado no primeiro trimestre de 2021, de acordo com a CB Insights. Desde o final de março, no entanto, o ritmo de investimento desacelerou. Até quarta-feira (18), US$ 3,9 bilhões foram investidos no setor no segundo trimestre, disse a empresa de pesquisa.

A liquidez no investimento em criptomoedas ajudou a sustentar os valuations (avaliações do valor das empresas), apesar do colapso nas cotações das criptomoedas nas últimas semanas, disse outro cofundador da Round 13, Khaled Verjee. As avaliações caíram cerca de 10% em relação ao pico no início deste ano nos negócios que sua empresa viu, disse ele.

“Pode haver uma resposta atrasada aos mercados”, disse Verjee.

A título de comparação, na segunda-feira, o preço do TerraUSD, criado para manter o valor igual a um dólar, caiu 36%, para 11 centavos. O valor de mercado da stablecoin caiu para US$ 1,3 bilhão, de quase US$ 19 bilhões no início deste ano. O valor do bitcoin caiu mais de 36% este ano.

O interesse no setor de criptomoedas persiste porque muitos investidores e empreendedores esperam que o blockchain impulsione o próximo estágio na evolução da internet, disse Marc Blumenthal, sócio geral da Florida Funders, com sede em Tampa, Flórida.

Os chamados negócios da Web3 continuam recebendo atenção, mas parte do medo nos mercados está começando a se infiltrar nas decisões de investimento, disse Blumenthal.

“Ainda não ouvimos pânico, mas há uma apreensão geral”, disse ele.

As preocupações dos investidores são parcialmente aliviadas porque o setor de criptomoedas é volátil há muito tempo, o que imunizou as pessoas ao choque de grandes e repentinas mudanças no sentimento do mercado, disse ele.

“Para investidores de venture capital, esta é uma ótima notícia”, disse ele, sobre os recentes declínios de avaliação. “Isso significa que o restante de nossos fundos será implantado em valuations melhores.”


Você também pode gostar
Redação IF Publicado em 24.jun.2022 às 14h46
Ataque hacker leva US$ 100 milhões em criptomoedas

Furto aconteceu na Horizon, ponte blockchain de finanças descentralizadas

Redação IF Publicado em 23.jun.2022 às 14h53
Do Kwon, cofundador da plataforma de criptomoedas Terra, perdeu toda sua fortuna, diz WSJ

Do Kwon, cuja plataforma de criptomoedas ruiu deixando um prejuízo de US$ 40 bilhões, disse que perdeu quase toda a sua fortuna pessoal com o crise dos criptoativos

Redação IF Atualizado em 22.jun.2022 às 20h04
Bitcoin volta a cair de olho em Fed e pode atingir patamares ainda mais baixos

Eduardo Andrade, do MB, avalia que os próximos dias são cruciais, pois, se perder a última mínima, o bitcoin pode cair até US$ 12 mil

Redação IF Publicado em 22.jun.2022 às 16h58
Sabe quem ganhou dinheiro com as criptos, enquanto outros perdiam? Quem apostou contra

Investidores que previram que as criptomoedas iriam despencar ganharam 130% neste ano

Redação IF Atualizado em 22.jun.2022 às 10h29
Criptomoedas voltam a cair, mas bitcoin e ether defendem patamar

As principais criptomoedas voltaram a recuar hoje; com o forte temor de recessão nos EUA

Redação IF Atualizado em 19.jun.2022 às 08h27
Bitcoin cai abaixo de US$ 17.800 à medida que a venda acelera

Com isso, marca uma sequência recorde de 12 dias consecutivo no vermelho

Redação IF Publicado em 17.jun.2022 às 09h12
Brasileiro investe mais em criptomoeda que em fundo imobiliário

Relatório da FGV mostra que investidor tem uma visão mais imediatista do que os franceses e ingleses