Bitcoin atinge menor preço desde janeiro

Veja o que derruba a principal criptomoeda do mercado

Bitcoin
Foto: Pixabay

O bitcoin segue em queda livre neste domingo (8), após registrar baixa de 10% na quinta-feira (5), afastando-se dos 40 mil dólares.

Por volta das 16h13, a principal criptomoeda do mercado recua 3,93%, a US$ 34.523,59. A moeda digital recua quase 9% nos últimos sete dias.

Um dos principais fatores por trás da queda do bitcoin — e do mercado de criptomoedas em geral — é o mesmo que afeta todo o universo dos ativos de risco: o Federal Reserve (Fed, banco central dos EUA) e sua caça implacável contra a inflação alta nos EUA.

Em cenários de incerteza, como o futuro do aperto monetário nos EUA, o avanço da covid-19 pelo mundo e a aversão ao risco da guerra, é natural a migração para investimentos de menor risco.

Copom, Fed, juros: o que se passa?

Se você não acompanhou os desdobramentos das reuniões dos bancos centrais do Brasil e dos EUA, na semana passada, entenda o que aconteceu pois está relacionado à queda no preço do bitcoin.


Você também pode gostar
Anne Dias Publicado em 20.maio.2022 às 11h12
Redação IF Publicado em 20.maio.2022 às 11h04
Dólar cai até R$ 4,89 e juros futuros oscilam perto da estabilidade

Moeda americana se desvaloriza em todo o mundo nesta manhã

Redação IF Atualizado em 19.maio.2022 às 16h01
Dólar comercial renova mínima com fraqueza da moeda no exterior

O movimento reflete o enfraquecimento da moeda americana frente outras divisas emergentes

Redação IF Publicado em 17.maio.2022 às 17h32
Dólar fecha em queda de 2,14%, a R$ 4,9419, com exterior positivo

A redução das medidas de restrição na China favoreceu a das commodities e beneficiou moedas de países exportadores

Redação IF Publicado em 17.maio.2022 às 15h36
Muitos investidores de criptomoedas não sabem o que estão comprando, diz dirigente do BoE

Jon Cunliffe, do banco central britânico, intensificou o pedido para que as autoridades regulem os criptoativos