As razões para o governo estar mais otimista que o mercado nas projeções para o PIB de 2022

Ministério da Economia revisou de 2,5% para 2,1% a previsão para o crescimento no ano que vem

Foto: Aloisio Mauricio/Fotoarena/Agência O Globo

A SPE (Secretaria de Política Econômica) do Ministério da Economia revisou para baixo a perspectiva para o crescimento do PIB (Produto Interno Bruto) em 2022. A projeção divulgada nesta quarta-feira (17) aponta para uma alta de 2,1% contra um avanço de 2,5% no relatório passado, de setembro.

Mesmo com a piora, a estimativa é mais otimista que a observada no mercado. Conforme o último boletim Focus, publicado na terça-feira (16), os especialistas das instituições financeiras veem um crescimento de 0,93%.

Alguns bancos, como o Itaú Unibanco e o Credit Suisse, já consideram inclusive um cenário de retração de 0,5% na atividade econômica brasileira para 2022.

Entre os motivos para o governo apostar em um PIB maior no ano que vem está uma recuperação mais consistente do mercado de trabalho. “Espera-se que, com a retomada do emprego informal, a taxa de participação e o nível de ocupação voltem aos seus níveis históricos, e, com isso, o produto cresça à taxa projetada”, disse em coletiva o secretário de Política Econômica, Adolfo Sachsida.

Outro fator destacado por Sachsida na conversa com os jornalistas seria um aumento significativo no volume de investimentos privados já contratados com as privatizações e as concessões. “Temos crescimento estrutural da produtividade no Brasil.”


Você também pode gostar
Redação IF Publicado em 17.maio.2022 às 07h26
Freio na economia chinesa deve fazer Brasil crescer menos

Analistas projetam expansão menor em 2023 e inflação global maior, também devido à guerra na Ucrânia e à alta de juros nos EUA

4 min
Redação IF Publicado em 16.maio.2022 às 12h23
Sondagem da XP vê inflação no fim de 2022 maior do que projeção do último Focus

Divulgação do relatório do Banco Central está paralisada por causa da greve dos servidores

2 min
Manhã Inteligente Publicado em 13.maio.2022 às 11h41
Fuga dos estrangeiros na B3, queda das criptomoedas, previsão do PIB

O Manhã Inteligente desta sexta (13), fala sobre a debandada de investidores estrangeiros da B3, a melhora na projeção do PIB e a queda generalizada das criptomoedas

Redação IF Publicado em 09.maio.2022 às 11h18
Bradesco eleva PIB para 1,5% e inflação para 7,5% em 2022

Banco vê uma recuperação do setor de serviços e do mercado de trabalho além das expectativas de início de ano

3 min