ANP: produção de petróleo da Petrobras no Brasil cresce 6,4% em janeiro

A companhia respondeu por 73% do volume de óleo e gás produzido no país durante o mês

A produção de petróleo da Petrobras no Brasil cresceu 6,4% em janeiro na comparação com dezembro, de acordo com dados da Agência Nacional de Petróleo (ANP). Ao todo, foram produzidos, em média, 2,2 milhões de barris diários no mês passado, o que representa uma alta de 2,8% na comparação com igual mês de 2021.

Já a produção de gás natural totalizou 101,966 milhões de metros cúbicos diários (m3/dia) em janeiro, um aumento de 5,2% em relação a dezembro. Na comparação anual, o crescimento foi de 4,1%.

Somados os volumes de óleo e gás, a produção total da Petrobras foi de 2,841 milhões de barris diários de óleo equivalente (BOE/dia). O número representa um aumento de 6,1% ante dezembro e 3,1% em relação a janeiro de 2021.

ANP e Petrobras têm metodologias diferentes para contabilizar a produção de petróleo — a estatal, por exemplo, considera os líquidos de gás natural, enquanto a agência inclui o condensado, mas não o óleo de xisto produzido em São Mateus, no Paraná. De todo modo, os dados do órgão regulador dão um bom indicativo do que se esperar do relatório de produção da estatal, divulgado trimestralmente.

A Petrobras respondeu, em janeiro, por 73% do volume de óleo e gás produzido no país.

Segundo os dados da agência, a produção nacional de petróleo e gás natural totalizou 3,892 milhões de BOE/dia. O volume representa uma alta de 6,04% em relação a dezembro e de 4,3% na comparação anual.

Ao todo, foram produzidos 3,031 milhões de barris/dia de petróleo em janeiro. Houve uma alta de 6,8% em relação a dezembro e de 5,5% na comparação anual.

Já a produção nacional de gás natural foi de 136,9 milhões de m3/dia no mês passado, o que representa um aumento de 3,58% ante dezembro e de 0,4% em relação a janeiro de 2021.

Com Valor PRO, serviço de informação em tempo real do Valor Econômico