IF Hoje: Investidores operam com um olho nos mercados e outro em Lula na Argentina

Presidente Lula segue na Argentina em reunião com presidentes da América Latina e Caribe; Declarações recentes têm feito preço no cenário doméstico

A terça-feira dos mercados brasileiros deverá seguir na mesma toada de ontem, com a liquidez reduzida devido ao feriado de ano novo na China e os índices daqui muito influenciados pelas cotações no exterior.

Nos Estados Unidos as ações do setor de tecnologia lideraram as altas de ontem e ganham algum fôlego. O setor vem sendo castigado pelo cenário macro de juros mais altos. No entanto, o pessimismo vem diminuindo à medida que as empresas focam no corte de custos e que a inflação dá sinais de redução.

Por aqui os dados mais importantes saem pela manhã. Inflação pelo IPC da Fipe e os dados ajustados do IPCA de 2022. O Índice de Preços ao Consumidor da Fipe é semanal e mede a evolução dos preços e do custo de vida no município de São Paulo entre as famílias com renda de 1 a 10 salários mínimos.

Lula na Argentina

O presidente Lula segue com agenda na Argentina, onde hoje participa do encontro da cúpula da Comunidade dos Estados Latino-Americanos e Caribenhos (Celac). A reunião com o presidente venezuelano Nicolás Maduro foi cancelada, mas a imprensa estará atenta a novas declarações de Lula e sua equipe.

As discussões referentes à implementação de moeda comum a ser utilizada nas transações comerciais entre Brasil e Argentina também devem continuar permeando as discussões entre os investidores. Mas o fato é que, por enquanto, apenas um estudo de viabilidade foi assinado pelos chefes de estado.

Commodities

O petróleo em ascensão pode seguir impulsionando as ações da Petrobras, como foi nos últimos dias. Desde o início de janeiro o Brent – utilizado pela Petrobras para formação de preços – já se valorizou 13%, encostando no patamar dos US$ 90 por barril.

Exterior

Na agenda exterior, o Reino Unido divulga, pela manhã, sua dívida líquida do setor público de dezembro. Também na terra do Rei Charles III, haverá divulgação dos dados da pesquisa PMI industrial, composto e do setor de serviços.

A mesma pesquisa será divulgada hoje com dados da zona do euro, Alemanha, França e Estados Unidos. A sigla PMI significa, em português, Índice de Gerentes de Compras, e trata-se de uma pesquisa realizadas com responsáveis por compras de diversos setores econômicos, trazendo a expectativa desses agentes. Os valores acima de 50 indicam expansão do setor e valores abaixo de 50 indicam contração.

Calendário de balanços

Entre os balanços, as principais empresas a divulgarem seus resultados serão: Johnson & Johnson, General Electric e 3M pela manhã, enquanto a Microsoft revela seus números após o fechamento da bolsa.