Casino, dono do Grupo Pão de Açúcar, vai receber ofertas de capital até 2ª feira e quer acordo com credores

Altamente endividada, a varejista francesa tem se desfeito de ativos importantes para tentar levantar capital
Pontos-chave:
  • Na segunda-feira, a empresa anunciou que pretende vender suas filiais sul-americanos, o brasileiro Grupo Pão de Açúcar e o colombiano Éxito

O Casino fixou na próxima segunda-feira, 3 de julho, o prazo final para que receba novas ofertas de injeção de capital, em meio ao processo de reestruturação da dívida da empresa. O grupo almeja fechar um acordo preliminar com credores até 27 de julho.

Em comunicado divulgado nesta quarta-feira, 28, a empresa informou que o eventual aporte terá que ser de pelo menos 900 milhões de euros, para que os planos de negócio do triênio 2023-2025 sejam implementados de acordo com condições de liquidez adequadas.

Altamente endividada, a varejista francesa tem se desfeito de ativos importantes para tentar levantar capital. Na segunda-feira, a empresa anunciou que pretende vender suas filiais sul-americanos, o brasileiro Grupo Pão de Açúcar e o colombiano Éxito. A companhia recebeu duas propostas rivais de aporte de 1,1 bilhão de euros cada, uma do acionista Daniel Kretinsky e outra de um grupo de empresários.

Com informações do Estadão Conteúdo